- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Angola Sociedade Polícia continua no encalço de dupla que raptou libanês em Talatona

Polícia continua no encalço de dupla que raptou libanês em Talatona

A Polícia Nacional (PN) e o Serviço de Investigação Criminal (SIC) continuam à procura de dois homens suspeitos de terem raptado e roubado um cidadão libanês, há duas semanas num condomínio de luxo em Talatona, Luanda.
A dupla agora intensamente procurada pela polícia conseguiu entrar na casa do cidadão libanês e quando este dormia, neutralizando-o e, posteriormente, raptado, ao mesmo tempo que deixavam o local levando com eles cerca de 170 mil Kz em dinheiro e uma quantia não definida ainda em ouro e outros objectos.

Ao Novo Jornal, o comandante municipal de Talatona, subcomissário Joaquim do Rosário, disse que o homem raptado, funcionário de um empresário cujo nome não foi revelado, foi encontrado pelas autoridades no mesmo dia, revelando que as buscas prosseguem e os assaltantes continuam a monte.

“O homem estava a dormir quando os homens conseguiram entrar na casa por volta das 20:00 desta quarta-feira. Eles (os meliantes) raptaram o homem, levaram 170 mil Kwanzas e andaram com a vítima em alguns multicaixas para tentarem efectuar levantamentos de valores na sua conta”, descreveu, acrescentando que os assaltantes não conseguiram fazer os levantamentos na conta bancaria da vítima porque a polícia se apercebeu desta ocorrência e iniciou buscas naquele momento.

De acordo com subcomissário, a dupla acordou a família e um dos homens que estava armado anunciou o assalto.

“Segundo a vítima, eles disseram que sabiam que havia dinheiro e fios de ouro na casa”, contou, salientando que os dois assaltantes ordenaram que a vítima mostrasse o cofre, mas “o homem disse que não existia cofre em casa”.

Para a polícia, os assaltantes conheciam as rotinas da vítima e conheciam o sistema de vigilância da casa.

“O homem foi encontrado ainda em Talatona numa rua escura nas proximidades do condomínio”, concluiu.

- Publicidade -
FonteNJ
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.