- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Desporto Basquetebol D'agosto e Petro de Luanda decidem hoje título do Torneio de Natal

D’agosto e Petro de Luanda decidem hoje título do Torneio de Natal

1º de Agosto e Petro de Luanda decidem hoje, às 17h00, no Pavilhão Victorino Cunha, o título da edição inaugural do Torneio de Natal sénior masculino de basquetebol, prova de antecâmara ao Campeonato Nacional promovida pela Federação Angolana da modalidade (FAB).

Depois de duas jornadas disputadas, no início da época, as duas equipas deram mostras de haver já alguma consistência na movimentação táctica. Os militares levam três semanas de trabalho e os petrolíferos surgem com mais rodagem competitiva, depois da presença no Rwanda, em Novembro último.

Manuel Sousa “Necas”, técnico dos rubro e negros, considera que as duas equipas estão em igualdade de circunstâncias, embora o adversário vem com outro volume de jogo, após representar a Selecção Nacional na primeira janela de qualificação ao Afrobasket`2021, na cidade de Kigali. Nos jogos disputados, os contendores ultrapassaram com facilidade os opositores. O Petro de Luanda venceu a congénere ‘B’ por 81-67 e 1º de Agosto-Academia por 101-71. O 1º de Agosto suplantou a equipa satélite da sua Academia por 105-64 e Petro de Luanda ‘B’ por 96-63.

Petro ‘B’ e Academia discutem bronze
As equipas de esperanças do Petro de Luanda ‘B’ e 1º de Agosto-Academia jogam hoje, às 14h00, para a atribuição do terceiro lugar do Torneio de Natal, no pavilhão Victorino Cunha, em Luanda. O desafio marca o primeiro encontro entre ambas no historial de basquetebol angolano. Depois dos jogos com adversários mais cotados tecnicamente, os contendores têm, agora, a oportunidade de esmiuçar os diagramas tácticos com um oponente mais equiparado.

O treinador dos petrolíferos, Manuel Silva “Gi”, diz que “o mais importante é dar rodagem competitiva aos rapazes nesta fase de início de época”. Sobre a avaliação competitiva, justifica: “a ausência de volume de jogos está na base de alguma falta de sincronia, em determinados momentos de jogo, sobretudo, quando são alvos de pressão defensiva”.

O extremo-base Pascoal Conde tem sido um dos mais destacados na equipa de esperança dos petrolíferos. Nos jogos disputados, foi o melhor marcador do conjunto com 16 e 23 pontos. O timoneiro do militares, José Carlos Guimarães, alinha no mesmo diapasão: “Não podemos exigir muito desses jovens atletas, pois têm feito o possível devido ao pouco tempo de preparação. Temos no plantel cinco atletas com 17 anos”.

Clássico pintado com máscaras e distanciamento
A final do Torneio de Natal é disputada entre os colossos do basquetebol numa conjuntura diferenciada. Pela primeira vez na história da modalidade, Petro de Luanda e 1º de Agosto colocam atletas no banco distanciados e com máscaras ao rosto. A nova conjuntura resulta da presença de SARS-COV2, o vírus da pandemia da Covid-19 que grassa o mundo.

Inicialmente, a prova contava com a participação de seis equipas, mas o número foi reduzido para quatro por indisponibilidade financeira de outras agremiações para suportar os custos de testes à Covid-19. Trata-se das equipas do Atlético Sport Aviação e Desportivo Kwanza.

Os profissionais da comunicação social destacados para fazer a cobertura do evento são submetidos a testes da Covid-19, como orientam as recomendações das autoridades sanitárias.

O evento serve de barómetro para o Campeonato Nacional, previsto para iniciar em Janeiro próximo, segundo o presidente da Federação Angolana da modalidade (FAB), Moniz Silva.

A competição desportiva é a terceira a disputar-se nesses moldes no país. Antes, os aficionados testemunharam o evento de futebol, o “Trumuno Fora de Época”, promovido pela Macro Sport, e o Torneio de Golfe no quadro do 45º aniversário da Independência Nacional, que teve a chancela da Federação Angolana da modalidade (Fagolfe).

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.