- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Economia Matala e Humpata com mais de 200 toneladas de batata para vender

Matala e Humpata com mais de 200 toneladas de batata para vender

Pelo menos 210 toneladas de batata rena estão disponíveis para escoamento nos municípios da Matala e Humpata, na província da Huíla, disse o director local do Gabinete provincial para o Desenvolvimento Económico Integrado, Manuel Quilende.

Em declarações à Angop, durante a 3ª edição da Feira da Batata que decorre até domingo (13), na cidade do Lubango, referiu que trata-se de 120 toneladas da Cooperativa 1º de Maio, localizada na Matala e 90 de uma fazenda privada na Humpata.

Segundo afirmou, a par desta quantidade existem outros municípios que trouxeram em pequenas quantidades alguma produção, uma vez que a feira é para escoar os produtos e aproveitar a dinamização do comércio rural, aproveitando a quadra festiva.

Declarou para além da comercialização, almejam celebrar contratos entre os produtores e compradores da produção nacional, durante o evento, por ser um programa que tem financiamento para o alívio económico dos operadores de comércio e distribuição.

Segundo afirmou, a província tem 18 cooperativas que produzem batata, em grande e pequena escala, inscritas para concorrer no alívio económico, o que constitui um incentivo para os produtores aumentarem a sua capacidade de produção.

Para a produtora do município de Caconda, Domingas Pilartes, encontram obstáculos para a compra de sementes, charruas para melhorar o cultivo, devido aos altos preços que hoje se verificam na compra dos materiais de produção agrícola.

Já o produtor da cooperativa 1º de Dezembro, na Matala, Jacob Chiyaia, afirmou que estão a produzir anualmente de 30 a 40 toneladas, em função de alguma falta de insumos agrícolas, pois estão adquirir 50 quilogramas de fertilizantes a 38 mil kwanzas e um kg de semestre a mil Kwanzas.

Por sua vez, a directora municipal da Agricultura da Humpata, Flora Fernandes, afirmou que o município produz mais de 150 toneladas de batata rena/ano, mas vivem dificuldades de escoamento.

Dados do gabinete provincial da Agricultura, Pecuária e Pescas da Huíla apontam que mais de 40 mil toneladas de batata rena e doce são colhidas anualmente na região, produzidas numa área de mais de oito hectares.

O evento que decorre em simultâneo com a 7ª edição da feira de Natal, conta com mais de 100 expositores e visa promover a produção local, pôr à disposição do consumidor final, produtos provenientes do campo a preços acessíveis.

É uma iniciativa da Associação Agro- Pecuária Comercial e Industrial da Huíla (AAPCIL), em parceria do governo local, através do Gabinete provincial para o Desenvolvimento Económico Integrado da Huíla.

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.