- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Economia Fórum Angola-Bélgica: Empresários sondam novas oportunidades

Fórum Angola-Bélgica: Empresários sondam novas oportunidades

A Agência de Investimento Privado e Promoção das Ex-portações (AIPEX) e a Câmara de Comércio e Indústria Angola – Bélgica (CCIAB) assinaram, na sexta-feira, em Luanda, um Memorando de Entendimento.

O mesmo visou criar sinergias e ambiente de cooperação entre ambas, relativamente a projectos a serem desenvolvidos por empresários e associações empresariais, dos dois países.

A AIPEX esteve representada pelo PCA, António Henriques da Silva, e a Câmara de Comércio e Indústria Angola-Bélgica pela presidente, Isabel Elisa Soares. O acto de assinatura foi testemunhado pelo embaixador de Angola na Bélgica, Mário de Azevedo Constantino, bem como empresários belgas com interesses e investimentos em Angola.

Valor das trocas
No âmbito do investimento privado, Angola registou, de 1990 a 2020, cerca de 24 projectos de origem belga, com o total de investimento de 18.536.000,00 milhões de dólares nos sectores da indústria transformadora, construção, comércio, transportes, actividades imobiliárias e prestação de serviços.

Falando durante o acto, o PCA da AIPEX referiu que a assinatura deste memorando de entendimento se reveste de elevada importância para o país, na medida em que a AIPEX é o órgão responsável por assegurar a implementação das estratégias do Executivo para a atracção de investimento privado nacional e estrangeiro.

Na sua visão, o Reino da Bélgica tem muitos sectores de actuação benéficos para Angola, não apenas nos sectores petrolífero e diamantífero, mas também naqueles prioritários para a diversificação da economia, tais como os transportes, infra-estruturas, energias renováveis, turismo, indústria e agricultura.

- Publicidade -
FonteJA
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.