- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Crónicas e Artigos O PR no encontro com a juventude: Notas marginais sobre a sua...

O PR no encontro com a juventude: Notas marginais sobre a sua comunicação – Agostinho Gayeta

O Presidente da República revelou-se conhecedor dos reais problemas da juventude angolana.
(DR)

Aspectos positivos

✅ O Presidente da República revelou-se conhecedor dos reais problemas da juventude angolana;
✅ Apesar da idade ainda tem uma forte capacidade de retenção/memorização;
✅ Capacidade de argumentação (nalguns casos com qualidades questionáveis, mas no geral bem apresentadas);

✅ Pausa assertiva no discurso;
✅ Lógica e coerência no discurso (questionável nalguns aspectos);
✅ Controlo emocional;
✅ Linguagem clara e objectiva (coloquial quanto bastou).

Aspectos negativos
✅ Comunicação não verbal pouco/mal explorada;
✅ Postura corporal aberta, mas rosto fechado;
✅ Fraca assertividade na comunicação: Apesar da capacidade de argumentação, foi pouco assertivo na comunicação (particularmente nas respostas à algumas questões sobre as quais não concorda);

Ao M’banza Hanza: Parabéns pela coragem e maturidade demonstrada.
(DR)

✅ Fraca exploração do espaço. Manter-se sentado a maior parte do tempo revelou uma imagem fragilizada do PR denotando cansaço;
✅ Fez uma comunicação híbrida, do ponto de vista da assertividade e do estilo de comunicação usado, sendo na maior parte do tempo passivo-agressivo, apesar do controlo emocional;

✅ Divagação: Apesar da lógica no seu discurso, optou pela divagação nas repostas dadas aos assuntos sobre os quais não se sentia confortável responder ou não compreendia o alcance da pergunta. Por exemplo: Mbanza Hanza perguntou ao PR se conhece o campo onde sai a comida que chega à mesa dos angolanos…Em resposta João Lourenço falou sobre os seus pais, os lugares por onde estes andaram e por fim falou das suas fazendas e da sua capacidade de produção de alimentos;

✅ Nalguns momentos revelou-se incomodado com algumas questões, manifestando tais inquietações na gesticulação pouco controlada, mesmo quando não estava no uso da palavra;
✅ Excessivo recurso à argumentação por analogia;
✅ Fraca Retórica, Oratória e Eloquência;

✅ Discursos pouco persuasivos e sem emoção comunicativa;
✅ Tom de voz pouco convincente o que denota, entre outros aspectos, falta de segurança no que diz e fadiga;

OBS:
✅ São apenas notas soltas para lançar o debate sobre a assertividade na comunicação.
✅ Ao M’banza Hanza: Parabéns pela coragem e maturidade demonstrada.

Agostinho Gayeta | in Facebook

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.