- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Desporto Futebol Sub-17 começam hoje defesa do título regional

Sub-17 começam hoje defesa do título regional

A Selecção Nacional Sub-17 de futebol começa hoje, às 11h30 (12h30 na África do Sul), no Estádio Gelvandale, arredores da Baía de Nelson Mandela, a defesa do título da Taça Cosafa, prova qualificativa para o CAN do Marrocos, que se disputa de 13 a 31 de Março.

Angola mede forças com a similar do Zimbabwe, jogo referente à primeira jornada do Grupo A. Angolanos e zimbabweanos defrontaram-se pela última vez no torneio em 2018, com triunfo dos primeiros, por 2-1, com golos de David Nzanza e Abdoul Barri, prova em que os Palanquinhas acabaram por conquistar o troféu.

Actualmente com novos jogadores, devido ao limite de idade no escalão (16), Angola e Zimbabwe vão procurar, certamente, fazer uma boa exibição para alcançar os primeiros três pontos.

O trabalho realizado pelo combinado nacional dá garantias ao seleccionador Mitó Silva numa boa prestação na competição, embora reparta o favoritismo pelos quatro integrantes do grupo. Ainda assim, o “pastor” dos Palanquinhas espera começar com vitória o torneio, não obstante ter poucas informações sobre o estado actual do adversário.

“Prefiro não adiantar nenhum favorito no grupo, porque o futuro só Deus sabe. Nestas condições, fica difícil fazer uma antevisão. Vamos entregar tudo nas mãos de Deus. É preciso ter fé naquilo que está a ser feito e acredito que vamos ter uma boa prestação. Não é fácil o grupo, porque não conhecemos como estão os adversários”, disse Mitó da Silva, questionado sobre o jogo ante o Zimbabwe. Para a conclusão da ronda do Grupo A, às 14h30, no mesmo estádio, a África do Sul mede forças com a similar de e-Swatini.

- Publicidade -
FonteJA
- Publicidade -

Potencial petrolífero é de 40 mil milhões de dólares

As empresas angolanas do sector petrolífero apenas aproveitam cerca de 10 por cento do potencial estimado em 40 mil milhões de dólares que a...
- Publicidade -

França quer punir delito de “ecocídio”

Proposta apoiada pelo governo prevê pena de até dez anos de prisão e multa de até 4,5 milhões de euros para quem causar danos...

Burkina Faso: Jihadistas impedem o voto de 300 mil eleitores

As eleições presidenciais e legislativas no Burkina Faso tiveram lugar num contexto de ameaças de grupos radicais islâmicos. Não houve registo de violência na...

Obras do novo Aeroporto Internacional de Luanda retomadas em Janeiro de 2021 e sem financiamento adicional, garante ministro dos Transportes

As obras do novo aeroporto internacional de Luanda vão ser retomadas no princípio de 2021 e serão concluídas no prazo de dois anos, garantiu...

Notícias relacionadas

Potencial petrolífero é de 40 mil milhões de dólares

As empresas angolanas do sector petrolífero apenas aproveitam cerca de 10 por cento do potencial estimado em 40 mil milhões de dólares que a...

França quer punir delito de “ecocídio”

Proposta apoiada pelo governo prevê pena de até dez anos de prisão e multa de até 4,5 milhões de euros para quem causar danos...

Burkina Faso: Jihadistas impedem o voto de 300 mil eleitores

As eleições presidenciais e legislativas no Burkina Faso tiveram lugar num contexto de ameaças de grupos radicais islâmicos. Não houve registo de violência na...

Obras do novo Aeroporto Internacional de Luanda retomadas em Janeiro de 2021 e sem financiamento adicional, garante ministro dos Transportes

As obras do novo aeroporto internacional de Luanda vão ser retomadas no princípio de 2021 e serão concluídas no prazo de dois anos, garantiu...

Sonangol e Endiama serão parcialmente privatizadas até 2022

O Governo vai dispersar em bolsa uma parte das empresas petrolífera e diamantífera Sonangol e Endiama em 2021 ou no início de 2022, disse...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.