- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Destaques Presidente exorta angolanos a preservarem conquistas alcançadas nos 45 anos de Independência...

Presidente exorta angolanos a preservarem conquistas alcançadas nos 45 anos de Independência Nacional

O Presidente da República, João Lourenço, exortou esta terça-feira [10.11.2020] os angolanos a não desperdiçarem as conquistas alcançadas nos 45 anos de Independência Nacional.

Ao dirigir uma Mensagem à Nação por ocasião das comemorações do 11 de Novembro, proferida durante a cerimónia solene de homenagem àqueles que mais se distinguiram na luta contra a pandemia da COVID-19, João Lourenço pediu aos angolanos para trabalharem juntos rumo ao desenvolvimento económico e social do país, e afirmou que nos últimos 45 anos Angola “alcançou grandes conquistas que temos a obrigação de preservar e consolidar”.

Entre as conquistas, mencionou as “sagradas e inalienáveis” Independência e Soberania Nacional, e “realidades e direitos fundamentais já adquiridos que devemos todos respeitar e proteger” como o Estado Democrático e de Direito, a economia de mercado, a paz e a reconciliação nacional, a emancipação da mulher, a liberdade de expressão, a liberdade de imprensa, a liberdade de reunião e de manifestação, e a liberdade de culto.

A formação de Forças Armadas Angolanas apartidárias e republicanas constitui também uma “importante pedra” na edificação do Estado angolano, referiu o Chefe de Estado.

O Presidente da República reafirmou o compromisso para com o povo, a boa governação e a transparência na gestão da coisa pública, e para o combate à corrupção e a moralização da sociedade. João Lourenço acrescentou que a imagem de Angola no exterior melhorou consideravelmente pela seriedade das políticas em curso, e que o país está cada vez mais aberto ao mundo, e presente nos grandes fóruns internacionais.

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.