- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Desporto Futebol FIFA pode interferir nas eleições da FAF

FIFA pode interferir nas eleições da FAF

A Federação Internacional de Futebol Associado (FIFA) pode interferir nas eleições da Federação Angolana de Futebol (FAF), depois de Norberto de Castro ter denunciado ao Comité de Ética, com documentos a comprovarem graves irregularidades no processo eleitoral, visando o sufrágio de 14 de Novembro, para o ciclo olímpico 2020/2024.

Com base na arguição, a FIFA ordenou que o elenco cessante liderado por Artur Almeida e Silva, responda tais acusações até ao dia 30 do corrente. Em declarações ao Jornal de Angola, Adão Simão, mandatário da lista de Norberto de Castro, disse que “a FIFA possui um código de ética, e com base neste código, pessoas acusadas de corrupção e punidas, como são os casos de Artur Almeida e Bernardo Suca, não podem concorrer às eleições na FAF”.

Adão Simão, esclareceu, igualmente, que foi solicitado à FIFA para que tivesse em atenção, o facto de estar a ser usada a imagem do presidente do organismo Gianni Infantino, na campanha eleitoral, como se tivesse a apoiar a lista de Artur Almeida.

O antigo vice-presidente do Conselho Técnico Desportivo da FAF fez saber ainda que a Comissão Eleitoral Nacional (CEN) cometeu um erro grave, aquando do anúncio das ilegibilidades das candidaturas.

“A acta foi assinada por duas pessoas, quando a lei é clara. Só produzem eleito, desde que sejam rubricadas pelos seus membros, o que não aconteceu. O secretário Domingos Torres Júnior “Didi”, não assinou. E infelizmente a Comissão Eleitoral, mesmo com todos esses atropelos à lei, ainda se considera imparcial”, lamentou Adão Simão.

Aguarda parecer

Norberto de Castro aguarda igualmente o parecer do Ministério da Juventude e Desportos (MINJUD) e do Tribunal Provincial de Luanda (TPL), depois de escrever para ambas as instituições, denunciando lacuna no processo.

O candidato da lista C, António Gomes, também se queixou à FIFA, que Artur Almeida está a fazer propaganda eleitoral, com os dinheiros que o órgão reitor do futebol nacional cedeu aos clubes para mitigar o impacto da pandemia da Covid-19.

” Fizemos esta denúncia, porque o candidato da lista B está a utilizar esses valores para se manter a todo custo no cargo, bem como está a usar o nome do Presidente da República, João Lourenço, e de Gianni Infantino, na campanha eleitoral. Perante estas situações, não poderíamos ficar com os braços cruzados e estou no direito de fazer tais denúncias”, disse.

Além de Artur Almeida e António Gomes “Tony Estraga”, concorrem à presidência da FAF, os candidatos Fernando da Trindade Jordão, lista A, e José Alberto Macaia, D.

- Publicidade -
FonteJA
- Publicidade -

Basquetebol: Técnico nacional convicto no apuramento

O seleccionador nacional de basquetebol, José Neto, mostrou-se hoje convicto no apuramento da equipa ao Afrobasket de 2021, cuja eliminatória arranca quarta-feira (dia 25)...
- Publicidade -

Quatro equipas podem garantir oitavos-de-final

A quarta jornada da fase de grupos da Liga dos Campeões Europeus de futebol tem início hoje, a partir das 17h00, sendo que quatro...

Palanquinhas sem margem para erro ante os “Bafanas”

Selecção Nacional está obrigada a vencer o duelo desta tarde frente aos sul-africanos para a segunda jornada do torneio A Selecção Nacional Sub-17 de futebol...

Polícia é vista como corrupta e não tem a confiança do cidadão

Dados foram obtidos de uma pesquisa realizada em várias províncias do País pela organização não-governamental Mosaiko, ligada à defesa dos direitos humanos, no âmbito...

Notícias relacionadas

Basquetebol: Técnico nacional convicto no apuramento

O seleccionador nacional de basquetebol, José Neto, mostrou-se hoje convicto no apuramento da equipa ao Afrobasket de 2021, cuja eliminatória arranca quarta-feira (dia 25)...

Quatro equipas podem garantir oitavos-de-final

A quarta jornada da fase de grupos da Liga dos Campeões Europeus de futebol tem início hoje, a partir das 17h00, sendo que quatro...

Palanquinhas sem margem para erro ante os “Bafanas”

Selecção Nacional está obrigada a vencer o duelo desta tarde frente aos sul-africanos para a segunda jornada do torneio A Selecção Nacional Sub-17 de futebol...

Polícia é vista como corrupta e não tem a confiança do cidadão

Dados foram obtidos de uma pesquisa realizada em várias províncias do País pela organização não-governamental Mosaiko, ligada à defesa dos direitos humanos, no âmbito...

FIFA suspende Presidente da CAF por cinco anos

O presidente da Confederação Africana de Futebol (CAF), Ahmad Ahmad, foi suspenso cinco anos por ilícitos financeiros, entre os quais desvio de fundos, informou...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.