InicioCulturaMúsicaPapam tudo, a música que mexe com tudo que é mau em...

Papam tudo, a música que mexe com tudo que é mau em Angola

Ao tempo em que saíu o single, o autor Jorge Monteiro, foi objecto de alguma curiosidade, a ponto de alguns programas da Rádio Nacional de Angola, procurarem o autor para se inteirarem das motivações da obra.

Neste tema “eles papam tudo” (catalogado no single com o nome de Tsunami), o autor foi sublime nas respostas e não entrou em polémicas, que comprometessem a sua imagem de artista e, mais do que tudo, um atento observador da realidade que nos rodeia.

A Rádio Nacional de Angola deixou de passar a música e o autor Jorge Monteiro, não se deixou intimidar pela rejeição, uma vez que a Internet cobre na perfeição, o silêncio das rádios angolanas.

Passados alguns anitos, já lá vão oito, e em clima de maior abertura e nova liderança política, o tema “papam tudo” vestiu-se de nova indumentária, com aquela guitarra bem angolana a ilustrar o tom da situação, bem triste que vivemos, com os protagonistas da nossa desgraça a serem desmontados e responsabilizados pelo mal que fizeram ao país, antes um oásis de imensos recursos naturais, com um povo maravilhoso a sucumbir num grande oceano de pobreza, onde a fome de tanto incomodar, já fez morada em muitos lares, cobrando pesados tributos nos estômagos vazios da imensa maioria dos pacatos cidadãos, que um dia acreditaram em dias melhores.

No semba “tudo é meu” Jorge Monteiro faz um retrato de como um país de muitos milhões foi tomado de assalto e à vista de todos nós, tornando-se num verdadeiro reino de Sodoma e Gomorra. Só visto! Como diziam as nossas avós: Contado ninguém acredita… Muevu? Ou seja, Ouviram?

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.