- Publicidade-
InicioAngolaPolíticaCovid-19: Angola e China abordam reforço da cooperação

Covid-19: Angola e China abordam reforço da cooperação

O reforço da cooperação entre Angola e a República Popular da China, na prevenção e no combate à pandemia da covid-19, dominaram, nesta terça-feira, o encontro entre a 6ª comissão da Assembleia Nacional e o embaixador do país asiático, Dong Tao.

Em declarações à imprensa, o diplomata chinês reafirmou que os dois países são parceiros estratégicos, com boas relações bilaterais nos domínios políticos, económico e social, especialmente, nesta fase de pandemia em que estão mais unidos e solidários.

Segundo Dong Tao encontra-se em Angola uma equipa de técnicos chineses da empresa BGI, provenientes da cidade de Wuhan, epicentro do novo coronavírus, com o objectivo de montarem laboratórios e hospitais de campanha em seis províncias.

Os laboratórios, estrategicamente, foram instalados nas províncias de Luanda, Uíge, Lunda Norte e Huambo, cada um com capacidade de processar mil análises diárias.

Com a aquisição desses laboratórios, o país conta com equipamentos laboratoriais de alta capacidade para a testagem de covid-19 e outras doenças virais.

O diplomata chinês reiterou que a embaixada do seu país e a 6ª comissão da Assembleia Nacional vão continuar a manter contactos privilegiando informações relacionadas com a saúde, educação, ensino superior e tecnologia.

Entretanto, o presidente da 6ª comissão da Assembleia Nacional., Victor Kajibanga, destacou a necessidade de se aprofundar parcerias estratégicas entre os dois Estados, sobretudo, neste momento de prevenção e combate à covid-19.

De acordo com o diplomata, estão em curso esforços conjuntos, a fim de se evitar a propagação do vírus.

Dong Tao destacou o surgimento da vacina chinesa que, segundo afirmou, será posta à disposição da Organização Mundial da Saúde (OMS).

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.