- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo Europa COVID-19: França e Bélgica impõem recolher obrigatório

COVID-19: França e Bélgica impõem recolher obrigatório

Países europeus estão de novo a tomar medidas drásticas para tentarem conter um ressurgimento de casos de coronavírus que ameaça paralisar de novo a vida económica desses países.

Na França oito cidades, incluindo a capital, Paris, estão agora submetidas a um recolher obrigatório entre as 9 da noite e 6 da manhã, enquanto na vizinha Bélgica entre amanhã em vigor um recolher obrigatório entre a meia-noite e as cinco da manhã. Na Bélgica estarão também encerrados todos os cafés, bares e restaurantes.

A Suíça anunciou também novas medidas incluindo o uso obrigatório de máscaras em qualquer recinto fechado e uma proibição a ajuntamentos de mais de 15 pessoas em lugares públicos a partir de segunda-feira

Os ministros dos negócios estrangeiros da Áustria e Bélgica testaram positivo para o coronavírus. Ambos participaram numa reunião da União Europeia na última segunda-feira.

O número de infecções do coronavírus é agora de mais de 39,7 milhões em todo do mundo com o 1,1 milhão de mortos ,segundo contagem do Centro de Recursos de coronavírus da universidade americana de Johns Hopkins.

Os Estados Unidos continuam a ser o país com mais casos, 8,1 milhões.

A Índia disse hoje ter registado mais de 61.000 novos casos nas 24 horas anteriores, tendo agora mais de 7,5 milhões de casos com mais de 114.000 mortes.

- Publicidade -
FonteVoA
- Publicidade -

Mercado europeu aberto a produtos moçambicanos

Economista Constantino Marrengula não sabe até que ponto a economia moçambicana está preparada para este desafio. O embaixador da União Europeia em Moçambique diz que...
- Publicidade -

Governo do Namibe quer melhor avaliação dos projectos

A vice-governadora do Namibe para o Sector Político, Económico e Social apelou, ontem, em Moçâmedes, às administrações municipais a fazerem um melhor acompanhamento dos...

PGR atenta aos casos de corrupção

A Procuradoria-Geral da República está atenta e a investigar todos os casos de corrupção noticiados, afirmou hoje, em Luanda, o vice-procurador-geral da República, Mota...

4 mil milhões de barris prontos para exploração

Blocos petrolíferos dispõem numa fase inicial entre 5 a 8 poços funcionais e 2 a 4 de reserva. Segundo cálculos do Jornal de Angola,...

Notícias relacionadas

Mercado europeu aberto a produtos moçambicanos

Economista Constantino Marrengula não sabe até que ponto a economia moçambicana está preparada para este desafio. O embaixador da União Europeia em Moçambique diz que...

Governo do Namibe quer melhor avaliação dos projectos

A vice-governadora do Namibe para o Sector Político, Económico e Social apelou, ontem, em Moçâmedes, às administrações municipais a fazerem um melhor acompanhamento dos...

PGR atenta aos casos de corrupção

A Procuradoria-Geral da República está atenta e a investigar todos os casos de corrupção noticiados, afirmou hoje, em Luanda, o vice-procurador-geral da República, Mota...

4 mil milhões de barris prontos para exploração

Blocos petrolíferos dispõem numa fase inicial entre 5 a 8 poços funcionais e 2 a 4 de reserva. Segundo cálculos do Jornal de Angola,...

País gastou 1,7 mil milhões na importação de combustíveis

Gasto resultou da importação de quase três milhões de toneladas métricas de produtos refinados do petróleo para consumo interno, que tem défice de 80%. Angola...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.