- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Angola Sociedade Kwanza Sul: Menor de 15 anos encaminhada ao julgado de menores após...

Kwanza Sul: Menor de 15 anos encaminhada ao julgado de menores após aborto quando estava grávida de 4 meses

Uma menina de 15 anos foi encaminhada ao julgado de menores pela prática de aborto quando estava grávida de quatro meses, no município do Sumbe, província do Kwanza Sul, avançou ao Novo Jornal fonte da polícia.

Ocaso chegou às autoridades na segunda-feira, dia 05, por uma denúncia anónima e o Serviço de Investigação Criminal (SIC) Kwanza Sul, deteve a menor na terça-feira, 06, depois de a menina ser submetida a exames médicos que confirmou que a sua gravidez era de quatro meses.

Segundo conseguiu apurar o Novo Jornal, o suposto namorado da menor, um homem, de 35 anos, e o enfermeiro que realizou o acto ilegal, estão foragidos das autoridades, estando, entretanto, a decorrer diligências para a sua localização e detenção.

A situação levou a Procuradoria-Geral da República (PGR) junto do SIC-Kwanza Sul, encaminhar a menor ao julgado de menores e emitiu dois mandados de detenção para o enfermeiro e o namorado da menor.

De acordo com a fonte da Polícia Nacional (PN), inicialmente “a menina disse que um sujeito a tinha levado até a um terreno baldio próximo de uma habitação abandonada e abusado dela durante uma hora”.

A PN adiantou ainda que durante as investigações e interrogatórios, “a menor acabou por confessar que o homem era o seu namorado, garantindo que nunca tinha sido violada”, afirmou.

- Publicidade -
- Publicidade -

Ana Gomes sobe à custa de Marcelo e Ventura

A candidata da área socialista é cada vez mais a pretendente a Belém com maior margem para impedir uma reeleição retumbante de Marcelo. Ana...
- Publicidade -

Burlas “matam” sonho da casa própria de milhares de famílias

Das dezenas de projectos imobiliários lançados no auge da construção em Luanda, muitos foram parar à barra do tribunal por burlas aos clientes, que...

O tempo e o bom senso (IV)

1 - Há muito que acompanho a trajectória de Jorge Valdano, um argentino com invejável percurso no mundo do futebol (jogador, treinador, dirigente e...

Joana Lina, GPL: “Manifestação foi acto de vandalismo”

Durante a marcha realizada por membros da sociedade civil e apoiada pela UNITA, foram queimadas motas e destruídos contentores de lixo, além do impedimento...

Notícias relacionadas

Ana Gomes sobe à custa de Marcelo e Ventura

A candidata da área socialista é cada vez mais a pretendente a Belém com maior margem para impedir uma reeleição retumbante de Marcelo. Ana...

Burlas “matam” sonho da casa própria de milhares de famílias

Das dezenas de projectos imobiliários lançados no auge da construção em Luanda, muitos foram parar à barra do tribunal por burlas aos clientes, que...

O tempo e o bom senso (IV)

1 - Há muito que acompanho a trajectória de Jorge Valdano, um argentino com invejável percurso no mundo do futebol (jogador, treinador, dirigente e...

Joana Lina, GPL: “Manifestação foi acto de vandalismo”

Durante a marcha realizada por membros da sociedade civil e apoiada pela UNITA, foram queimadas motas e destruídos contentores de lixo, além do impedimento...

Polícia frustra manifestação não autorizada em Luanda

A Policia Nacional frustrou ontem a realização de uma manifestação não autorizada pelas autoridades, por força das medidas restritivas de prevenção e combate à...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.