InicioDesportoFutebolWallison Nunes, a formação Red Bull do Brasil à Áustria

Wallison Nunes, a formação Red Bull do Brasil à Áustria

O futebol é um mercado não apenas para os atletas mas também para empresas ou para fortunas individuais. Não é rara a vez ver um clube pertencer a um proprietário que investe a sua fortuna pessoal ou empresas que querem desenvolver as suas actividades. A marca de bebidas energéticas, Red Bull, tem apostado no desporto em geral para tentar atingir os consumidores em todo o mundo.

A marca austríaca e tailandesa apostou na Fórmula 1, nos campeonatos de motociclismo, nos desportos extremos como as corridas de aviões ou também patrocinar atletas, isto além do futebol.

Neste momento há quatro clubes que pertencem à Red Bull: FC Red Bull Salzburg na Áustria, New York Red Bulls nos Estados Unidos, RB Leipzig na Alemanha e Red Bull Bragantino no Brasil, isto sem esquecer as equipas reservas ou de formação. De notar que um único clube foi criado em África, o Red Bull Ghana, no entanto acabou por ser extinto em 2014.

A RFI falou com Wallison Nunes Silva, defesa brasileiro de 19 anos, formado no Red Bull Brasil, equipa reserva do Bragantino. O atleta transferiu-se em 2019 para a equipa de Salzburgo, sendo emprestado ao Liefering, clube que evoluiu na segunda divisão austríaca e equipa satélite do FC Red Bull Salzburg.

O defesa brasileiro explicou-nos a política de formação da Red Bull, e mostrou-se ambicioso no que diz respeito ao seu futuro.

De notar que na Liga dos Campeões o FC Red Bull Salzburg integra o Grupo A com os germânicos do Bayern Munique, os espanhóis do Atlético Madrid e os russos do Lokomotiv Moscovo, isto enquanto o RB Leipzig, semi-finalista na prova na época transacta, integra o Grupo H com os franceses do Paris Saint-Germain, os britânicos do Manchester United e os turcos do Istanbul Basaksehir.

FonteRFI

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.