- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Desporto Basquetebol Morreu antigo basquetebolista Sidrack

Morreu antigo basquetebolista Sidrack

O basquetebolista Sidrack, que integrou a equipa sénior do 1º de Agosto faleceu ontem na sua residência, no Zango 4, por motivo de doença.

Símbolo da virilidade do basquetebol nacional, Sidrack foi um jovem que marcou a época de projecção da modalidade no clube militar, nomeadamente no Rio Seco, onde brilhou e encantou pela sua elasticidade desportiva, grangeando a admiração dos adeptos e direcção do clube.

Humilde na forma de ser e de estar, Sidrack, era também o menino bonito da bola ao cesto, no bairro da Samba Pequena, em Luanda, onde viveu a sua infância. Natural de Malanje, marcou uma época decisiva do basquetebol nacional, que é a modalidade pioneira na consagração de Angola, como país de talentos na bola ao cesto.

Tendo passado pela mão do professor Victorino Cunha, o basquetebolista  enquadrou-se facilmente nos planos da equipa, cumprindo com brio, os atributos que a sua altura, dois metros, proporcionava. Nas mãos do técnico Vitorino Cunha, o jovem Sidrack ganhou a endurance que o tornou numa das peças fundamentais do clube militar. Honra e glória a esta figura popular do basquetebol angolano. Paz à sua alma!

 

- Publicidade -
- Publicidade -

Jornalistas e manifestantes alvo de violência policial

Foram soltos os jornalistas detidos no sábado em Luanda, Angola, numa manifestação organizada por um grupo de jovens com o apoio do maior partido...
- Publicidade -

Filipe Nyusi diz que diálogo com a autoproclamada Junta Militar da Renamo já começou

O Presidente moçambicano, Filipe Nyusi, revelou na manhã desta quarta-feira, 28, estar em curso o diálogo entre o Governo e a autoproclamada Junta Militar...

Erdoğan apela ao boicote de produtos franceses

Na Síria, no Iraque ou no Paquistão: As manifestações contra o presidente Emmanuel Macron e o governo francês repetem-se um pouco por todo o...

Activistas detidos no dia 24 no Uíge denunciam maus-tratos e violações de direitos humanos

Eles foram libertados depois de condenados a pagar 200 mil kwanzas de multas. Os activistas políticos e cívicos detidos no sábado, 24, na província angolana...

Notícias relacionadas

Jornalistas e manifestantes alvo de violência policial

Foram soltos os jornalistas detidos no sábado em Luanda, Angola, numa manifestação organizada por um grupo de jovens com o apoio do maior partido...

Filipe Nyusi diz que diálogo com a autoproclamada Junta Militar da Renamo já começou

O Presidente moçambicano, Filipe Nyusi, revelou na manhã desta quarta-feira, 28, estar em curso o diálogo entre o Governo e a autoproclamada Junta Militar...

Erdoğan apela ao boicote de produtos franceses

Na Síria, no Iraque ou no Paquistão: As manifestações contra o presidente Emmanuel Macron e o governo francês repetem-se um pouco por todo o...

Activistas detidos no dia 24 no Uíge denunciam maus-tratos e violações de direitos humanos

Eles foram libertados depois de condenados a pagar 200 mil kwanzas de multas. Os activistas políticos e cívicos detidos no sábado, 24, na província angolana...

Protestos contra limitação ao aborto legal

Os protestos voltaram às ruas de várias cidades da Polónia. Pelo quinto dia consecutivo, milhares de polacos manifestaram o desagrado contra a decisão do Tribunal...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.