- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Política Plano do MPLA para manutenção do poder 'vigia' Adalberto e descarta Chivukuvuku

Plano do MPLA para manutenção do poder ‘vigia’ Adalberto e descarta Chivukuvuku

Com os holofotes focados no combate eleitoral em 2022, o partido que sustenta o Governo admite cenário de «agitação social» que pode colocar em risco o seu poder. Posicionamento estratégico de reforço da afirmação no cenário político, a que o NJ teve acesso em exclusivo, prevê movimentar «arsenal» partidário e tem como principal alvo o líder da UNITA. Plano não descarta, entretanto, o recurso à invasão à esfera privada do adversário.

Um estudo em constante actualização, realizado sob égide do Comité Central (CC) do MPLA e carimbado pelo Secretariado do seu Bureau Político (BP), coloca o nome de Adalberto da Costa Júnior, presidente da UNITA, como o novo líder da oposição aos camaradas, para quem a pesquisa recomenda que seja “vigiado e combatido até à exaustão”, e classifica Abel Chivukuvuku, cujo capital político – com a saída conturbada da CASA-CE e o processo de criação de uma nova formação partidária encravado no Tribunal Constitucional – como “fragilizado”, apurou o Novo Jornal mediante um documento a que teve acesso através de um alto dirigente do Kremlin.

Na pesquisa, intitulada Posicionamento estratégico do MPLA para o reforço da sua afirmação no cenário político actual face aos adversários políticos na oposição, o MPLA não fixa limites no plano ético às frentes que visam fragilizar, através da acção que mobilizará toda a sua «máquina» partidária, os adversários tidos como ameaças à manutenção do seu poder.

Foco da pesquisa, Adalberto domina, assim, as 33 páginas do documento estratégico de reposicionamento político dos camaradas em face da actual conjuntura social, económica e político do País, um contexto descrito pela pesquisa como passível de dar lugar à “agitação e indignação social” e ao surgimento de “novos revus”.

O estudo, estampado na parte frontal com a data de 2020, é o resultado da correspondência, em todo o País, de dezenas de experts, entre jornalistas seniores, cientistas políticos, opinion makers (fazedores de opinião), professores universitários e políticos.

- Publicidade -
FonteNJ
- Publicidade -

Comité Central do MPLA analisa a situação do País

O Comité Central do MPLA reúne-se, hoje, na quarta sessão ordinária, para analisar a situação política, económica e social do país, além de questões...
- Publicidade -

Esfaqueamento em Nice: Pelo menos três mortos e vários feridos no interior de uma igreja

Pelo menos três pessoas morreram e várias ficaram feridas, num esfaqueamento, ocorrido na cidade francesa de Nice. O ataque aconteceu esta manhã, numa igreja....

Ministro Téte António desloca-se ao Congo Brazzaville

O ministro das Relações Exteriores, Téte António, deslocou-se, esta quinta-feira, ao Congo Brazzaville. Segundo uma nota de imprensa a que a ANGOP teve acesso, Téte...

Covid-19: Síntese Nacional

O quadro epidemiológico nacional registou, até às 19 horas desta quarta-feira, 203 novos casos, 46 pacientes recuperados e quatro óbitos. Entre os novos pacientes consta...

Notícias relacionadas

Comité Central do MPLA analisa a situação do País

O Comité Central do MPLA reúne-se, hoje, na quarta sessão ordinária, para analisar a situação política, económica e social do país, além de questões...

Esfaqueamento em Nice: Pelo menos três mortos e vários feridos no interior de uma igreja

Pelo menos três pessoas morreram e várias ficaram feridas, num esfaqueamento, ocorrido na cidade francesa de Nice. O ataque aconteceu esta manhã, numa igreja....

Ministro Téte António desloca-se ao Congo Brazzaville

O ministro das Relações Exteriores, Téte António, deslocou-se, esta quinta-feira, ao Congo Brazzaville. Segundo uma nota de imprensa a que a ANGOP teve acesso, Téte...

Covid-19: Síntese Nacional

O quadro epidemiológico nacional registou, até às 19 horas desta quarta-feira, 203 novos casos, 46 pacientes recuperados e quatro óbitos. Entre os novos pacientes consta...

Terminal de passageiros do Porto de Cabinda a 70% de execução

As obras do quebra-mar e do terminal de passageiros do Porto de Cabinda apresentam uma execução física de 65 e 70 por cento, anunciou,...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.