- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Economia BDA disponibiliza AKZ 900 milhões para cooperativas agrícolas

BDA disponibiliza AKZ 900 milhões para cooperativas agrícolas

O Banco de Desenvolvimento Angolano (BDA) disponibilizou, esta terça-feira, 900 milhões de Kwanzas (Akz) para financiar 18 cooperativas agrícolas da província do Huambo, no quadro do programa de alívio dos efeitos económicos e negativos, provocados pela Covid-19.

Para cada uma das cooperativas beneficiárias, no âmbito das medidas de alívio económico aprovadas pelo Decreto Presidencial nº 98/2020, de 09 de Abril, coube a quantia de 50 milhões de Kwanzas, que deverão ser reembolsados num período de dois anos, com seis meses de carência.

Os empréstimos possuem uma taxa de juros de 7,5 por cento, para que os beneficiários possam dar seguimento a sua actividade produtiva, começando mesmo pela campanha agrícola 2020/2021.

Em declarações após o acto de assinatura dos contratos, o director dos serviços locais do Instituto Nacional de Apoio às Micro, Pequenas e Médias Empresas (INAPEM), Emanuel Kapalandada, referiu que as 18 cooperativas agrárias, das 263 existentes na província do Huambo, foram seleccionadas por critérios do nível de produção já existente, infra-estruturas, organização administrativa e uma auditoria da empresa agro-promotora.

Por isso, o responsável anseia que esta nova experiência sirva de modelo sustentável para garantir o financiamento de outras cooperativas que, pelo nível de organização, garantam a devolução dos valores disponibilizados no período acordado, numa altura em que as operadoras que vão absorver a sua produção já beneficiaram de financiamento do BDA.

Emanuel Kapalandada deu a conhecer que o projecto está a ser dirigido pelos ministérios das Finanças e da Economia e Planeamento, com o objectivo de aumentar os níveis de produção na campanha agrícola 2020/2021, devendo, para o efeito, beneficiar ainda de assistência técnica do Instituto de Desenvolvimento Agrário (IDA), INAPEM, dos Gabinetes de Desenvolvimento Económico Integrado e da Agricultura.

Por sua vez, o director do IDA na província, Vitorino Chonguela, enalteceu a iniciativa do Governo de potenciar as cooperativas, olhando para o aumento dos níveis de produtividade, de modo a influenciar o comércio rural de venda da produção nacional.

O responsável exigiu maior rigor dos beneficiários na gestão dos valores disponibilizados, sendo que para o IDA a missão recai na prestação de assistência técnicas nas suas áreas de jurisdição às cooperativas de camponeses, assim como na organização administrativa, para evitar as emoções, interesses e expectativas que, em muitos casos, podem influenciar negativamente na concretização deste desiderato.

Considerada no passado a “Rainha do Milho de Angola”, a província do Huambo, possui uma população de dois milhões, 519 mil e 309 habitantes, na sua maioria camponeses, que fazem das potencialidades agro-pecuárias e turísticas, a principal fonte de rendimento.

- Publicidade -
FonteAngop
- Publicidade -

Jornalistas e manifestantes alvo de violência policial

Foram soltos os jornalistas detidos no sábado em Luanda, Angola, numa manifestação organizada por um grupo de jovens com o apoio do maior partido...
- Publicidade -

Filipe Nyusi diz que diálogo com a autoproclamada Junta Militar da Renamo já começou

O Presidente moçambicano, Filipe Nyusi, revelou na manhã desta quarta-feira, 28, estar em curso o diálogo entre o Governo e a autoproclamada Junta Militar...

Erdoğan apela ao boicote de produtos franceses

Na Síria, no Iraque ou no Paquistão: As manifestações contra o presidente Emmanuel Macron e o governo francês repetem-se um pouco por todo o...

Activistas detidos no dia 24 no Uíge denunciam maus-tratos e violações de direitos humanos

Eles foram libertados depois de condenados a pagar 200 mil kwanzas de multas. Os activistas políticos e cívicos detidos no sábado, 24, na província angolana...

Notícias relacionadas

Jornalistas e manifestantes alvo de violência policial

Foram soltos os jornalistas detidos no sábado em Luanda, Angola, numa manifestação organizada por um grupo de jovens com o apoio do maior partido...

Filipe Nyusi diz que diálogo com a autoproclamada Junta Militar da Renamo já começou

O Presidente moçambicano, Filipe Nyusi, revelou na manhã desta quarta-feira, 28, estar em curso o diálogo entre o Governo e a autoproclamada Junta Militar...

Erdoğan apela ao boicote de produtos franceses

Na Síria, no Iraque ou no Paquistão: As manifestações contra o presidente Emmanuel Macron e o governo francês repetem-se um pouco por todo o...

Activistas detidos no dia 24 no Uíge denunciam maus-tratos e violações de direitos humanos

Eles foram libertados depois de condenados a pagar 200 mil kwanzas de multas. Os activistas políticos e cívicos detidos no sábado, 24, na província angolana...

Protestos contra limitação ao aborto legal

Os protestos voltaram às ruas de várias cidades da Polónia. Pelo quinto dia consecutivo, milhares de polacos manifestaram o desagrado contra a decisão do Tribunal...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.