- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Política Governo encerra templos da IURD e prolonga estado de calamidade pública

Governo encerra templos da IURD e prolonga estado de calamidade pública

O Presidente angolano, João Lourenço, decretou a prorrogação da vivência do estado de calamidade pública no país, autorizando ainda a realização de cultos. Uma autorização que exclui, no entanto, igreja universal cuja actividade foi proibida pela justiça angolana devido à lavagem de dinheiro.

No quadro de uma decisão judicial, foi suspensa actividade religiosa da Igreja Universal do Reino de Deus em Angola,após a crise de liderança entre pastores angolanos e brasileiros.

O último decreto da presidência angolana que prolonga a vivência do estado de calamidade pública no país, autoriza a realização de cultos religiosos de igrejas legalizadas nos fins de semana.

A igreja universal cuja actividade foi proibida pela justiça angolana, enquanto decorrem as investigações de alegações que envolve a mesma em acções criminosas,tentou realizar cultos que foram inviabizados pela polícia.

Os pastores da ala angolana que foram ouvidos pela polícia criticaram a postura das autoridades e afirmaram não entenderem as razões do encerramento da actividade da Igreja no país.

A Procuradoria Geral da República suspendeu, no dia 13 de Agosto, a igreja universal de toda actividade religiosa, na sequência das investigações sobre lavagem de dinheiro, vasectomia e outros crimes graves que é acusada, na denúncia de pastores angolanos.

- Publicidade -
FonteRFI
- Publicidade -

João Lourenço responsabiliza UNITA de incitar jovens à desobediência civil

Presidente angolano diz esperar que jornalistas não venham a ser detidos, mas adverte que autoridades vão manter a ordem. O Presidente angolano responsabilizou a UNITA...
- Publicidade -

Manifestação: Tribunal está a interrogar os detidos à porta fechada – Por dia serão ouvidos cerca de 20 cidadãos

Entre os primeiros cidadãos, do grupo dos 103 detidos, ouvidos esta terça-feira no Tribunal Provincial de Luanda "Palácio D. Ana Joaquina", está o secretário-geral...

Marido de Isabel dos Santos morre afogado no Dubai

O marido de Isabel dos Santos, Sindika Dokolo, morreu num acidente no mar no Dubai. A notícia está a ser avançada por jornais internacionais....

Angola substitui Código Penal da era colonial

A Assembleia Nacional aprovou hoje, terça-feira, 27, o novo Código Penal, com 167 votos a favor, nenhum contra, e a abstenção de dois deputados...

Notícias relacionadas

João Lourenço responsabiliza UNITA de incitar jovens à desobediência civil

Presidente angolano diz esperar que jornalistas não venham a ser detidos, mas adverte que autoridades vão manter a ordem. O Presidente angolano responsabilizou a UNITA...

Manifestação: Tribunal está a interrogar os detidos à porta fechada – Por dia serão ouvidos cerca de 20 cidadãos

Entre os primeiros cidadãos, do grupo dos 103 detidos, ouvidos esta terça-feira no Tribunal Provincial de Luanda "Palácio D. Ana Joaquina", está o secretário-geral...

Marido de Isabel dos Santos morre afogado no Dubai

O marido de Isabel dos Santos, Sindika Dokolo, morreu num acidente no mar no Dubai. A notícia está a ser avançada por jornais internacionais....

Angola substitui Código Penal da era colonial

A Assembleia Nacional aprovou hoje, terça-feira, 27, o novo Código Penal, com 167 votos a favor, nenhum contra, e a abstenção de dois deputados...

Manifestação: Comité para a Protecção dos Jornalistas acusa polícia de perseguição e intimidação a jornalistas e exige medidas que garantam a liberdade de imprensa

O Comité para a Protecção dos Jornalistas (CPJ, sigla em inglês), com sede em Nova Iorque, EUA, critica fortemente a polícia angolana por ter...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.