- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo Lusófono Portugal Football Leaks. O ataque informático ao MP terá sido feito com as...

Football Leaks. O ataque informático ao MP terá sido feito com as credenciais de um antigo diretor do DCIAP. A PGR “não fazia ideia”

“Ninguém na PGR fazia ideia do que se tinha passado”, declarou o inspector José Amador, da Polícia Judiciária, sobre o ataque informático que o Ministério Público imputa a Rui Pinto no processo do Football Leaks.

José Amador, que já vai em três dias de depoimentos, indicou em tribunal que, depois da detenção de Rui Pinto, a análise forense aos discos apreendidos em Budapeste revelou vários acessos indevidos.

“Quando começámos a fazer a análise no contexto forense a PGR aparecia bastas vezes”, descreveu, indicando que foram encontrados ficheiros de processos em segredo de justiça e documentos do DCIAP. “O Dr. Amadeu Guerra terá sido uma das grandes portas de entrada”, acrescentou.

O inspetor afirmou que o ataque, através das credenciais de Amadeu Guerra, ex-diretor do DCIAP, recorreu a uma operação de phishing, mas José Amador não soube precisar quanto tempo durou a intrusão.

José Amador analisou ainda esta quarta-feira diversos contratos da Doyen publicados no blog Football Leaks, bem como os contornos dos ataques informáticos à PLMJ, à Federação Portuguesa de Futebol e à PGR.

O inspetor da PJ continuará a ser ouvido esta quinta-feira, como testemunha do Ministério Público, respondendo a questões da procuradora Marta Viegas.

 

- Publicidade -
- Publicidade -

China alerta firmas suecas sobre acção idêntica após proibição da Huawei

Segundo o Vanguard,  a China aconselhou a Suécia a levantar a proibição das suas empresas chinesas de tecnologia da rede 5G, alertando-a sobre  os...
- Publicidade -

Unitel distinguida pelo combate à fraude

A operadora angolana de telefonia móvel Unitel foi distinguida, com o reconhecimento de mérito, pela promoção, durante dois anos, do combate à fraude e...

Sudão prestes a sair da lista negra americana

Depois de meses de negociações entre as autoridades transitórias sudanesas e a administração americana, Cartum está prestes a sair da lista dos países que...

Tiros contra manifestantes geram onda de indignação na Nigéria

As hashtags #EndSARS e #LekkiMassacre proliferam-se pelas contas no Twitter após tiros atingirem manifestantes num protesto contra a polícia em Lagos. Amnistia Internacional trabalha...

Notícias relacionadas

China alerta firmas suecas sobre acção idêntica após proibição da Huawei

Segundo o Vanguard,  a China aconselhou a Suécia a levantar a proibição das suas empresas chinesas de tecnologia da rede 5G, alertando-a sobre  os...

Unitel distinguida pelo combate à fraude

A operadora angolana de telefonia móvel Unitel foi distinguida, com o reconhecimento de mérito, pela promoção, durante dois anos, do combate à fraude e...

Sudão prestes a sair da lista negra americana

Depois de meses de negociações entre as autoridades transitórias sudanesas e a administração americana, Cartum está prestes a sair da lista dos países que...

Tiros contra manifestantes geram onda de indignação na Nigéria

As hashtags #EndSARS e #LekkiMassacre proliferam-se pelas contas no Twitter após tiros atingirem manifestantes num protesto contra a polícia em Lagos. Amnistia Internacional trabalha...

Último debate entre Trump e Biden com microfones silenciados

Faltam duas semanas para as eleições e as campanhas dos candidatos à Casa Branca já estão em contrarrelógio. Na quinta-feira, Donald Trump e Joe...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.