- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Angola Sociedade Activistas detidos em Malanje em greve de fome contra a brutalidade policial

Activistas detidos em Malanje em greve de fome contra a brutalidade policial

Os 10 activistas detidos na quinta-feira, 17, dia do Herói Nacional, em Calandula, na província angola de Malanje, estão em greve de fome há mais de 72 horas no Comando Municipal da Polícia Nacional (PN) de Cacuso, onde aguardam por julgamento sumário.

Na base da greve de fome, o também activista Félix Francisco Muondo diz que está o espancamento de que eles dizem ter sido alvos por agentes da PN depois de serem detidos.

“Eram cinco que não estavam a comer, mas agora todos os 10 disseram que não vão comer e até agora estão mesmo aí sem comer nada”, acrescenta Muondo, justificando que “eles estão a fazer a greve pela pancada que a Polícia lhes deu””.

Junqueira António, director de Comunicação e Imprensa do Minint em Malanje.
(DR)

Eles foram presos quando tentavam sair às ruas de Calandula, pela terceira vez, para pedir a exoneração do administrador municipal local, Pedro Sebastião Dembué, alegadamente por incumprimento das suas obrigações como gestor principal.

O director do Gabinete de Comunicação Institucional e Imprensa da Delegação Provincial do Ministério do Interior, intendente Junqueira António, confirma a greve de fome, mas diz que órgãos estão a trabalhar para reverter a situação.

“Julgamos que se está a fazer um trabalho para que esta atitude seja reversível”, confirma.

Ele justifica as detenções com o fato dos activistas terem violado a lei de reuniões e manifestações.

“Foi num feriado e a lei das manifestações não prevê a realização deste direito em dias de feriado”, acrescenta.

Os arguidos estão em Cacuso por ausência de infra-estruturas do Ministério Público e Tribunal Municipal em Calandula.

Refira-se que no sábado, 19, 15 jovens na cidade de Malanje foram dispersos por efectivos da PN quando pretendiam realizar uma vigília em protesto contra os acontecimentos de Calandula.

Jesse Figueiredo, um dos integrantes do grupo e que agredido por agentes da PN, ficou internado no Hospital Regional de Malanje.

- Publicidade -
FonteVoA
- Publicidade -

Presidente da CEEAC defende construção de destinos comuns

O Presidente em Exercício da Comunidade Económica dos Estados da África Central (CEEAC), Ali Bongo, declarou este domingo que a única forma de tornar...
- Publicidade -

Pressão sobre o kwanza abranda no próximo ano

Analistas da Fitch Solutions prevêem ligeira recuperação na produção interna do petróleo e taxam a média da inflação nos 21,9 por cento até ao...

Obras da transformadora de café podem ser concluídas em 2021

A província do Uíge poderá ter, até Maio de 2021, uma nova fábrica de transformação de café, com capacidade para movimentar 700 toneladas por...

Angolanos recorrem ao método “Fazer Sócia” para sobreviverem

Para poderem comprar alimentos cada vez mais caros famílias e indivíduos angolanos têm que “fazer sócia”, um acto que consiste na junção de valores...

Notícias relacionadas

Presidente da CEEAC defende construção de destinos comuns

O Presidente em Exercício da Comunidade Económica dos Estados da África Central (CEEAC), Ali Bongo, declarou este domingo que a única forma de tornar...

Pressão sobre o kwanza abranda no próximo ano

Analistas da Fitch Solutions prevêem ligeira recuperação na produção interna do petróleo e taxam a média da inflação nos 21,9 por cento até ao...

Obras da transformadora de café podem ser concluídas em 2021

A província do Uíge poderá ter, até Maio de 2021, uma nova fábrica de transformação de café, com capacidade para movimentar 700 toneladas por...

Angolanos recorrem ao método “Fazer Sócia” para sobreviverem

Para poderem comprar alimentos cada vez mais caros famílias e indivíduos angolanos têm que “fazer sócia”, um acto que consiste na junção de valores...

Guiné-Bissau regista 14 novos casos para total de 2.403

A Guiné-Bissau registou na última semana 14 novos casos positivos para o novo coronavírus, num total de 2.403 infectados, e manteve o número de...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.