- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo América Central Panamá: Descoberta mais uma vala comum com vítimas de seita religiosa

Panamá: Descoberta mais uma vala comum com vítimas de seita religiosa

As autoridades do Panamá estão investigando uma vala comum onde estão as ossadas de pessoas que acreditam terem sido vítimas de uma seita religiosa.

O túmulo tinha os restos mortais de uma mulher grávida, dos seus cinco filhos e de um adolescente. Foi encontrado depois de uma vítima da seita ter conseguido fugir e chegar a um hospital.

A polícia invadiu, depois, a comunidade religiosa e disse ter encontrado uma mulher despida dentro de uma igreja, onde também foram encontradas facas de vários tamanhos e o cadáver de um animal sacrificado em ritual. Foram libertadas 15 pessoas.

As autoridades indicam que a seita raptava populares da região e realizava violentos rituais de exorcismo, que envolviam espancamento e tortura.

A vala comum foi descoberta na remota região de Ngäbe-Buglé onde, em Janeiro deste ano, havia sido encontrado outro túmulo, com sete corpos. A região fica a cerca de 350 quilómetros da capital panamenha.

- Publicidade -
- Publicidade -

China alerta firmas suecas sobre acção idêntica após proibição da Huawei

Segundo o Vanguard,  a China aconselhou a Suécia a levantar a proibição das suas empresas chinesas de tecnologia da rede 5G, alertando-a sobre  os...
- Publicidade -

Unitel distinguida pelo combate à fraude

A operadora angolana de telefonia móvel Unitel foi distinguida, com o reconhecimento de mérito, pela promoção, durante dois anos, do combate à fraude e...

Sudão prestes a sair da lista negra americana

Depois de meses de negociações entre as autoridades transitórias sudanesas e a administração americana, Cartum está prestes a sair da lista dos países que...

Tiros contra manifestantes geram onda de indignação na Nigéria

As hashtags #EndSARS e #LekkiMassacre proliferam-se pelas contas no Twitter após tiros atingirem manifestantes num protesto contra a polícia em Lagos. Amnistia Internacional trabalha...

Notícias relacionadas

China alerta firmas suecas sobre acção idêntica após proibição da Huawei

Segundo o Vanguard,  a China aconselhou a Suécia a levantar a proibição das suas empresas chinesas de tecnologia da rede 5G, alertando-a sobre  os...

Unitel distinguida pelo combate à fraude

A operadora angolana de telefonia móvel Unitel foi distinguida, com o reconhecimento de mérito, pela promoção, durante dois anos, do combate à fraude e...

Sudão prestes a sair da lista negra americana

Depois de meses de negociações entre as autoridades transitórias sudanesas e a administração americana, Cartum está prestes a sair da lista dos países que...

Tiros contra manifestantes geram onda de indignação na Nigéria

As hashtags #EndSARS e #LekkiMassacre proliferam-se pelas contas no Twitter após tiros atingirem manifestantes num protesto contra a polícia em Lagos. Amnistia Internacional trabalha...

Último debate entre Trump e Biden com microfones silenciados

Faltam duas semanas para as eleições e as campanhas dos candidatos à Casa Branca já estão em contrarrelógio. Na quinta-feira, Donald Trump e Joe...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.