- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Política MPLA Luísa Damião exorta académicos aprofundar estudo sobre Neto

Luísa Damião exorta académicos aprofundar estudo sobre Neto

A vice-presidente do MPLA, Luísa Damião, exortou, nesta quinta-feira, em Luanda, os académicos a aprofundar os estudos sobre a dimensão histórica, cultural e política de Agostinho Neto.

Luísa Damião fez este pronunciamento à imprensa num acto político alusivo ao 17 de Setembro, Dia do Fundador da Nação e do Herói Nacional, instituído em homenagem a António Agostinho Neto, que a 11 de Novembro de 1975, proclamou a independência de Angola.

Para a vice-presidente do MPLA, as ideias e as preocupações de Agostinho Neto continuam actuais, quando afirmou que “o mais importante é resolver os problemas do povo”, por isso cada angolano deve contribuir para o desenvolvimento do país.

Lembrou que o Presidente Agostinho Neto era humanista e comprometido com a causa do seu povo, de África e do mundo, em defesa dos seus direitos fundamentais.

Referiu que Agostinho Neto valorizava a educação, a agricultura, com a base económica, e a indústria como factor decisivo.

“Devemos honrar todos os dias a memória do estadista que foi Agostinho Neto, homem de cultura, profundamente comprometido com os anseios dos angolanos e que deixa um grande legado para as novas gerações”, realçou Luísa Damião.

Agostinho Neto nasceu a 17 de Setembro de 1922, em Caxicane, município Icolo e Bengo, de Luanda e faleceu a 10 de Setembro de 1979, em Moscovo, antiga União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS).

- Publicidade -
FonteAngop
- Publicidade -

Com aval do BP e BCE: Eurobic tem mais 12 interessados na compra

O banco português de capitais angolanos está a ser cobiçado e mais 12 candidatos posicionam-se depois do negócio não avançar com os espanhóis da...
- Publicidade -

Papam tudo, a música que mexe com tudo que é mau em Angola

Ao tempo em que saíu o single, o autor Jorge Monteiro, foi objecto de alguma curiosidade, a ponto de alguns programas da Rádio Nacional...

Governo brasileiro diz que vermífugo reduz carga viral do Coronavírus

O governo federal afirmou segunda-feira ter comprovado que o vermífugo nitazoxanida reduz a carga viral de pacientes infectados com o novo coronavírus. O anúncio...

Camilo Ceita esperava por “algum respeito e consideração”

Antigo director do INE soube da sua substituição pelas redes sociais, durante a tarde da última sexta-feira. Num ‘mail’ de despedida e agradecimento aos...

Notícias relacionadas

Com aval do BP e BCE: Eurobic tem mais 12 interessados na compra

O banco português de capitais angolanos está a ser cobiçado e mais 12 candidatos posicionam-se depois do negócio não avançar com os espanhóis da...

Papam tudo, a música que mexe com tudo que é mau em Angola

Ao tempo em que saíu o single, o autor Jorge Monteiro, foi objecto de alguma curiosidade, a ponto de alguns programas da Rádio Nacional...

Governo brasileiro diz que vermífugo reduz carga viral do Coronavírus

O governo federal afirmou segunda-feira ter comprovado que o vermífugo nitazoxanida reduz a carga viral de pacientes infectados com o novo coronavírus. O anúncio...

Camilo Ceita esperava por “algum respeito e consideração”

Antigo director do INE soube da sua substituição pelas redes sociais, durante a tarde da última sexta-feira. Num ‘mail’ de despedida e agradecimento aos...

Gilberto Viríssimo: “Angola não está integrada em nenhum dos projectos de estradas regionais por culpa própria”

À frente da Comissão da Comunidade Económica dos Estados da África Central (CEEAC), desde 31 de Agosto, o angolano Gilberto Veríssimo, diz, em entrevista...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.