- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Desporto Futebol Neymar acusa Álvaro González de racismo: Villas-Boas defende jogador e confirma ameaças...

Neymar acusa Álvaro González de racismo: Villas-Boas defende jogador e confirma ameaças de morte

O treinador português André Villas-Boas, técnico do Marselha, defendeu esta terça-feira o defesa espanhol Álvaro González, acusado de racismo por Neymar na derrota do Paris Saint-Germain contra os marselheses (1-0), dizendo que o brasileiro “já acusou outros” erradamente.

Depois dos incidentes no final dessa partida, que provocaram cinco expulsões, incluindo a do internacional brasileiro, que acusou o defesa de lhe chamar “macaco”, o jogador espanhol foi alvo de ameaças de morte, algo que Villas-Boas confirmou.

“Estamos ao lado do jogador e à procura de apurar a verdade. Temos a certeza de que o Álvaro não é racista, o Marselha é um clube multicultural. (…) As ameaças de morte são verdade e já informámos a polícia, está nas mãos deles. Estas são as consequências da acusação”, atirou o técnico, em conferência de imprensa.

O português admitiu ainda ter-se rido “muito alto” de uma montagem de avançado francês Payet, que colocou a face de Neymar no corpo de um cão, publicada nas redes sociais.

VILLAS-BOAS CONTINUA À FRENTE DO MARSELHA?
Sobre a renovação de contrato à frente do clube da ‘Ligue 1’, Villas-Boas escusou-se a comentar e garantiu que está focado em “acabar o campeonato e continuar a ganhar”.

O Marselha é quinto classificado no campeonato, tendo jogado duas das três jornadas até aqui e vencido ambas as partidas, incluindo a de domingo, face aos campeões em título.

O jogo, que deu a primeira vitória marselhesa contra os parisienses desde 2011, terminou com expulsões de Neymar – mas não de Álvaro -, de Kurzawa e de Paredes, no PSG, e de Amavi e Benedetto, nos marselheses, após cenas de confrontos físicos que duraram vários minutos.

- Publicidade -
- Publicidade -

Com aval do BP e BCE: Eurobic tem mais 12 interessados na compra

O banco português de capitais angolanos está a ser cobiçado e mais 12 candidatos posicionam-se depois do negócio não avançar com os espanhóis da...
- Publicidade -

Papam tudo, a música que mexe com tudo que é mau em Angola

Ao tempo em que saíu o single, o autor Jorge Monteiro, foi objecto de alguma curiosidade, a ponto de alguns programas da Rádio Nacional...

Governo brasileiro diz que vermífugo reduz carga viral do Coronavírus

O governo federal afirmou segunda-feira ter comprovado que o vermífugo nitazoxanida reduz a carga viral de pacientes infectados com o novo coronavírus. O anúncio...

Camilo Ceita esperava por “algum respeito e consideração”

Antigo director do INE soube da sua substituição pelas redes sociais, durante a tarde da última sexta-feira. Num ‘mail’ de despedida e agradecimento aos...

Notícias relacionadas

Com aval do BP e BCE: Eurobic tem mais 12 interessados na compra

O banco português de capitais angolanos está a ser cobiçado e mais 12 candidatos posicionam-se depois do negócio não avançar com os espanhóis da...

Papam tudo, a música que mexe com tudo que é mau em Angola

Ao tempo em que saíu o single, o autor Jorge Monteiro, foi objecto de alguma curiosidade, a ponto de alguns programas da Rádio Nacional...

Governo brasileiro diz que vermífugo reduz carga viral do Coronavírus

O governo federal afirmou segunda-feira ter comprovado que o vermífugo nitazoxanida reduz a carga viral de pacientes infectados com o novo coronavírus. O anúncio...

Camilo Ceita esperava por “algum respeito e consideração”

Antigo director do INE soube da sua substituição pelas redes sociais, durante a tarde da última sexta-feira. Num ‘mail’ de despedida e agradecimento aos...

Gilberto Viríssimo: “Angola não está integrada em nenhum dos projectos de estradas regionais por culpa própria”

À frente da Comissão da Comunidade Económica dos Estados da África Central (CEEAC), desde 31 de Agosto, o angolano Gilberto Veríssimo, diz, em entrevista...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.