- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Covid-19 Covid-19: Angola regista 125 casos positivos e quatro mortes em 24 horas

Covid-19: Angola regista 125 casos positivos e quatro mortes em 24 horas

Angola notificou, nesta quinta-feira, 125 novos infectados de Covid-19, número mais expressivo desde o início da pandemia, em Março último, batendo o anterior recorde de 100 casos positivos, ocorridos no dia 6 de Agosto.

A informação foi avançada, em Luanda, pelo secretário de Estado para a Saúde Pública, Franco Mufinda, informando que 118 casos foram registados em Luanda, cinco em Benguela e dois no Cuanza-Norte. Os novos casos, esclareceu, têm idades entre um a 79 anos, perfazendo um total de 3.217 infecções.

O governante, que falava no habitual encontro com os jornalistas para actualização de dados da pandemia, referiu que quatro pessoas perderam a vida em consequência da Covid-19, sendo dois homens e igual número de mulheres, dos quais três de Luanda e um de Benguela, somando agora 130 vítimas da Covid-19.

Mais 32 recuperados

Nas últimas 24 horas, foram recuperados mais 32 pessoas, das quais 23 do município do Soyo (Zaire), oito em Cabinda e um em Luanda, elevando para 1.277 pessoas livres do novo coronavírus até à data. Com os números avançados, segundo Franco Mufinda, o país tem um total de 1.810 activos, dos quais três estão estado crítico com ventilação mecânica invasiva, 25 graves, 46 moderados, 48 leves, 1.688 assintomáticos e 377 doentes distribuídos nos vários centros de tratamento.

Indicou que, foram processadas, em Luanda, 794 amostras por RT-PCR, das quais 125 foram positivas e 669 negativas. O cumulativo de amostras até à data passa para 62.332, sendo 3.217 positivas e 59.115 negativas. De acordo com o secretário de Estado, tiveram alta na quarentena institucional, nas últimas 24 horas, 39 cidadãos, dos quais 19 em Cabinda, 14 em Luanda, três em Benguela e igual número no Cuanza-Sul.

A Equipa de Saúde Mental e Intervenção Psico-social assistiu 290 pessoas, sendo 183 utentes, 104 técnicos de Saúde e três familiares dos utentes. O Centro Integrado de Segurança Pública (CISP) recebeu 100 chamadas, destas uma denúncia de caso suspeito e 99 pedidos de informações sobre a pandemia.

- Publicidade -
FonteJA
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.