- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo Europa Empregada manda cremar corpo de idosa que morreu de Covid e ocupa...

Empregada manda cremar corpo de idosa que morreu de Covid e ocupa casa

Pilar, uma mulher de 75 anos que vivia sozinha, morreu alegadamente de Covid-19 em sua casa em Leganés, Espanha, no final de Março. As duas filhas não foram informadas da morte da mãe e a empregada de Pilar mandou cremar o corpo da idosa sem lhes pedir autorização, como dá explica o El Mundo. Pouco tempo depois, a empregada mudou-se para a casa da vítima e ocupou a habitação.

O caso está sendo investigado pela polícia espanhola, que já ouviu a empregada, uma mulher peruana chamada Rosa, e os responsáveis da agência funerária que trataram da cremação de Pilar sem a autorização das filhas da mulher.

Rosana, uma das filhas da vítima, suspeita que poderá tratar-se de “algo mais do que uma ocupação” e que a mãe “não estava mal” de saúde.

Entre os pormenores que geram suspeitas, consta o fato da empregada, que trabalhava de segunda a sexta-feira, ter descoberto Pilar sem vida num sábado. “Mas não ligou para o 112 (…) Devia ter-nos ligado e o que fez foi avisar a agência funerária para tratar da cremação e mentiu dizendo que era a cuidadora e que a minha mãe não tinha filhos”, relata Rosana.

Além disso, dez dias antes da morte de Pilar, Rosa passou os contratos da luz e da água para o seu nome. “Gostaria de saber o que se passou com a minha mãe nesses dias. Eu contraí o coronavírus nessa altura e estive 30 dias internada no hospital. Quando soubemos da sua morte já tinha sido cremada. Acho que a minha mãe não morreu de forma natural e vamos fazer de tudo para que se esclareça o que aconteceu”, diz Rosana em declarações ao jornal espanhol.

A família de Pilar entrou em contacto com a empresa ‘Desokupa’ – uma empresa especializada em processo judiciais de ocupação de casas – que garante estar planeando uma acção para recuperar a casa e que pretende acusar a empregada de “homicídio, furto, apropriação indevida, usurpação de documentos e fraude”.

- Publicidade -
FonteNM
- Publicidade -

Jovem malaia luta pelo direito de não usar véu islâmico

A decisão de deixar de usar o véu islâmico e denunciá-lo como uma obrigação patriarcal valeu a Maryam Lee muitas críticas e uma investigação...
- Publicidade -

Mãe queima mão do filho por furto de telemóvel

Uma cidadã de 27 anos de idade queimou a mão direita do seu filho de 12 anos num fogareiro, no Lubango, província da Huíla,...

EUA: Substituição da juíza Ruth Bader Ginsburg opõe democratas e republicanos

A substituição de Ruth Bader Ginsburg, juíza do Supremo Tribunal Federal de Justiça e ícone progressista a favor dos direitos das mulheres, das minorias...

Pandemia transtorna Angola há seis meses

Completam-se hoje, 21 de Setembro, seis meses desde que foram anunciados, pela voz da ministra da Saúde, Sílvia Lutucuta, os dois primeiros casos positivos...

Notícias relacionadas

Jovem malaia luta pelo direito de não usar véu islâmico

A decisão de deixar de usar o véu islâmico e denunciá-lo como uma obrigação patriarcal valeu a Maryam Lee muitas críticas e uma investigação...

Mãe queima mão do filho por furto de telemóvel

Uma cidadã de 27 anos de idade queimou a mão direita do seu filho de 12 anos num fogareiro, no Lubango, província da Huíla,...

EUA: Substituição da juíza Ruth Bader Ginsburg opõe democratas e republicanos

A substituição de Ruth Bader Ginsburg, juíza do Supremo Tribunal Federal de Justiça e ícone progressista a favor dos direitos das mulheres, das minorias...

Pandemia transtorna Angola há seis meses

Completam-se hoje, 21 de Setembro, seis meses desde que foram anunciados, pela voz da ministra da Saúde, Sílvia Lutucuta, os dois primeiros casos positivos...

Mulher infectada com Covid contagiou 15 pessoas em voo

Uma mulher, infectada com Covid-19, teria propagado o vírus a outros 15 passageiros de um voo internacional entre Londres e o Vietname, de acordo...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.