- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo Lusófono Brasil Acusado de matar Marielle e ex-vereador são alvo de operação do MP...

Acusado de matar Marielle e ex-vereador são alvo de operação do MP e da Polícia Civil no Rio

Operação realizada nesta quarta-feira (9) pela Polícia Civil e pelo MP do Rio cumpriu mandados de busca e apreensão em endereços de Ronie Lessa, suspeito do assassinato da vereadora Marielle Franco (Psol-RJ).

O ex-vereador Cristiano Girão também é alvo da operação, que investiga a morte do casal André Henrique da Silva Souza, o Zóio, e Juliana Sales Oliveira, em 2014, na Gardênia Azul, zona oeste do Rio de Janeiro. Foram cumpridos mandados em endereços no Rio de Janeiro e São Paulo.

O veículo onde o casal estava foi alvejado com 40 tiros, em crime semelhante ao cometido contra a parlamentar do Psol. Zóio é apontado como rival de Girão no controle da milícia na região. O ex-vereador teria contratado o policial aposentado Ronnie Lessa para cometer o assassinato. O casal estava em um Honda Civic quando foi abordado, em movimento, por pelo menos três homens em um Fiat Doblô prata.

Girão está em liberdade condicional
Preso desde março de 2019 em penitenciária de segurança máxima em Porto Velho (RO), o policial reformado é acusado de matar Marielle Franco e o motorista Anderson Gomes em março de 2018. Ele teria cometido o crime ao lado do policial Élcio de Queiroz, apontado como motorista do carro usado no ataque.

Girão, por sua vez, está em liberdade condicional após cumprir parte da pena de 14 anos de prisão por chefiar uma milícia na Gardênia Azul.

Essa é a primeira operação que tem como alvo Girão e Lessa ao mesmo tempo. Em 2008, o ex-vereador foi denunciado pela Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) das Milícias, presidida pelo então deputado estadual Marcelo Freixo (PSOL-RJ), por supostamente chefiar uma organização criminosa na Gardênia.

Apesar de a morte de Marielle Franco não ser o motivo da operação, a polícia acredita que a ação é um passo para descobrir os mandantes da morte de Marielle.

- Publicidade -
- Publicidade -

Bonga: “Os prémios todos que tenho no estrangeiro, não os tenho em Portugal”

Bonga Kuenda é o semba e a vivência clandestina. Foi nos 'musseques', bairros típicos de Angola que José Adelino Barceló de Carvalho viveu e cresceu,...
- Publicidade -

Governo aceita criar um apoio para que ninguém fique com rendimentos abaixo do limiar da pobreza

Seguem as negociações do Orçamento do Estado para 2021, com várias reuniões marcadas para esta semana com os partidos de esquerda. Esta semana deverão...

Deputado denuncia inércia da Procuradoria do Namibe frente a casos de peculato

O deputado independente Sampaio Mucanda denunciou que vários gestores públicos na província angolana do Namibe envolvidos em casos de peculato não são investigados e...

Banca portuguesa ensombrada com novos despedimentos

A Agência de 'rating' Fitch, no final de Julho, considerava que, face à nova ameaça para o sector bancário português que representa a crise...

Notícias relacionadas

Bonga: “Os prémios todos que tenho no estrangeiro, não os tenho em Portugal”

Bonga Kuenda é o semba e a vivência clandestina. Foi nos 'musseques', bairros típicos de Angola que José Adelino Barceló de Carvalho viveu e cresceu,...

Governo aceita criar um apoio para que ninguém fique com rendimentos abaixo do limiar da pobreza

Seguem as negociações do Orçamento do Estado para 2021, com várias reuniões marcadas para esta semana com os partidos de esquerda. Esta semana deverão...

Deputado denuncia inércia da Procuradoria do Namibe frente a casos de peculato

O deputado independente Sampaio Mucanda denunciou que vários gestores públicos na província angolana do Namibe envolvidos em casos de peculato não são investigados e...

Banca portuguesa ensombrada com novos despedimentos

A Agência de 'rating' Fitch, no final de Julho, considerava que, face à nova ameaça para o sector bancário português que representa a crise...

Mãe é acusada de matar filha ao desligar dispositivo de oxigénio

Elise C. Nelson, de Paynesville, nos EUA, foi acusada de homicídio depois de, supostamente, ter desligado o alarme do dispositivo de monitoramento de oxigénio...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.