- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Angola Sociedade Governo ausculta parceiros sobre retorno às aulas

Governo ausculta parceiros sobre retorno às aulas

O Governo Angolano está a auscultar os parceiros sociais para a conjugação de ideias, no âmbito do processo de retorno dos estudantes aos estabelecimentos de ensino, afirmou, nesta sexta-feira, em Luanda, a ministra de Estado para a Área Social, Carolina Cerqueira.

De acordo com a ministra, que falava à imprensa no final de uma visita ao Hospital Pediátrico de Luanda, o Governo procura ouvir dos parceiros o ponto de vista e sugestões deles sobre o regresso dos discentes e docentes às salas de aulas.

Carolina Cerqueira avançou que o grupo técnico nacional está a fazer um levantamento sobre as vantagens e desvantagens da reabertura das escolas, nesta fase marcada pelo aumento do número dos casos de Covid-19 no país.

Adiantou que o Governo está consciente que as crianças estão mais susceptíveis de serem contaminadas, razão pela qual está a avaliar com todo cuidado os pró e contras do regresso às aulas.

Conforme a ministra, o Governo está também consciente da falta de condições de biossegurança nas escolas e tudo está a fazer no sentido de garantir a colocação de água e outros equipamentos nas instituições escolares.

A ministra adiantou que o Governo está sensível às orientações do secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, e da Unicef sobre a reabertura das escolas, mas também atento às preocupações das famílias angolanas sobre os riscos.

“O Executivo continua a desenvolver esforços para que as condições de biossegurança e de protecção permitam a retomada segura o mais rápido possível do ano lectivo.

O recomeço das aulas, suspensas desde Março, é um dos principais temas de conversa nas famílias, ruas, empresas, no Governo e, com mais intensidade, nas redes sociais.

O retorno dos alunos à escola está sujeito à observância de regras de biossegurança e de distanciamento físico, a desinfestação e ventilação constante das salas de aulas.

De igual modo, as escolas devem criar condições para evitar lotação das salas, dividindo os alunos por turnos reduzidos, e dispor de água permanente para a lavagem das mãos.

Devem fazer a gestão de resíduos segundo as regras de biossegurança, incluindo o esvaziamento diário dos recipientes de resíduos e a disponibilização de recipientes higienizados ao começo de cada dia de actividade lectiva.

Estão, também, orientadas a fazer a renovação frequente do ar nas salas de aula, preferencialmente com as janelas e portas abertas, além de encerrar espaços não necessários à actividade lectiva, como cantinas, refeitórios, salas de apoio, salas de convívio de alunos e outros.

Outra medida obrigatória passará a ser a redução da lotação em 50 por cento das bibliotecas, laboratórios e salas de informática.

O cumprimento de todos os pressupostos exigiria, em muitos casos, investimentos de última hora, particularmente nas escolas que não dispõe de água canalizada.

- Publicidade -
FonteAngop
- Publicidade -

Aguinaldo Jaime responde à TPA: “A SONANGOL convenceu os poderes públicos para ser ela a assumir a liderança do co-seguro” (Vídeo)

"As AAA não prestavam contas ao regulador. O sistema era opaco" Aguinaldo Jaime até há bem pouco tempo o responsável da ARSEG, a entidade reguladora...
- Publicidade -

Partidos fazem leituras diferentes à Presidência de João Lourenço

O MPLA, a UNITA e a CASA-CE, as três maiores formações políticas em Angola, divergem-se em relação aos três anos de governação de João...

Moçambique não confirma detenção de líder de organização terrorista

O comandante-geral da polícia de Maputo, Bernardino Rafael, não confirmou as informações a circular nas redes sociais que dão conta da detenção em Moçambique...

Com mais armas na mão e um olho na Rússia

A Suécia está a reforçar o poder militar para responder à crescente actividade militar da Rússia e da Organização do Tratado do Atlântico Norte...

Notícias relacionadas

Aguinaldo Jaime responde à TPA: “A SONANGOL convenceu os poderes públicos para ser ela a assumir a liderança do co-seguro” (Vídeo)

"As AAA não prestavam contas ao regulador. O sistema era opaco" Aguinaldo Jaime até há bem pouco tempo o responsável da ARSEG, a entidade reguladora...

Partidos fazem leituras diferentes à Presidência de João Lourenço

O MPLA, a UNITA e a CASA-CE, as três maiores formações políticas em Angola, divergem-se em relação aos três anos de governação de João...

Moçambique não confirma detenção de líder de organização terrorista

O comandante-geral da polícia de Maputo, Bernardino Rafael, não confirmou as informações a circular nas redes sociais que dão conta da detenção em Moçambique...

Com mais armas na mão e um olho na Rússia

A Suécia está a reforçar o poder militar para responder à crescente actividade militar da Rússia e da Organização do Tratado do Atlântico Norte...

Camané, Mário Laginha e Maria Mendes nomeados para os Grammy Latinos

Cerimónia decorrerá a 19 de novembro. Os músicos Camané e Mário Laginha e a cantora Maria Mendes estão nomeados para os prémios de música Grammy Latinos...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.