- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo EUA Presidente Trump perdoa líder da luta pelo direito ao voto feminino

Presidente Trump perdoa líder da luta pelo direito ao voto feminino

O Presidente americano Donald Trump concedeu perdão à activista e líder do sufrágio feminino, Susan B. Anthony, condenada por votar ilegalmente em 1872.

Ao intervir nesta terça-feira, 18, num evento da Casa Branca, para assinalar o 100º aniversário da ratificação da 19ª emenda constitucional que deu às mulheres o direito ao voto, ele anunciou um “perdão total e completo” para Anthony.

Ela foi uma das principais activistas a favor do voto feminino e exerceu esse direito pela primeira vez em 1872 na sua cidade natal, Rochester, no Estado de Nova Iorque.

A seguir ela foi presa, julgada e condenada por “voto ilegal”, mas nunca pagou a multa de 100 dólares, na altura, equivalente a dois mil dólares na actualidade.

Susan B. Anthony, activista pelo direito ao voto feminino nos Estados Unidos.
(DR)

“Ela nunca foi perdoada, vocês sabiam disso?”, perguntou Trump às líderes femininas que estavam atrás dele na Casa Branco, reiterando: “Ela nunca foi perdoada. Por que demorou tanto? ”

O Presidente disse que Anthony ajudou a conseguir perdões para outras mulheres que protestavam por sua privação de direitos, mas nunca defendeu-se a ela mesma.

Seis anos após sua condenação, Susan B. Anthony e a activista Elizabeth Cady Stanton apresentaram uma emenda ao Congresso dando às mulheres o direito de voto.

A 18 de Agosto de 1920, quando a 19ª emenda foi ratificada, a legislação passou a ser popularmente conhecida como a Emenda Susan B. Anthony.

Ela nasceu a 15 de Fevereiro de 1820 em Massachusetts , mas quando tinha seis anos a família mudou-se para Battenville, Nova York.

O pai era um fazendeiro e proprietário de uma fábrica de algodão, enquanto a família da mãe tinha servido na Revolução Americana e trabalhado no Governo de Massachusetts.

A família também foi politicamente engajada nos movimentos abolicionistas.

Susan assistiu a uma escola do distrito, em seguida, uma escola local criada pelo seu pai, e, em seguida, um internato Quaker perto de Filadélfia.

Ela foi professora e conferencista.

- Publicidade -
FonteVoA
- Publicidade -

Jovem malaia luta pelo direito de não usar véu islâmico

A decisão de deixar de usar o véu islâmico e denunciá-lo como uma obrigação patriarcal valeu a Maryam Lee muitas críticas e uma investigação...
- Publicidade -

Mãe queima mão do filho por furto de telemóvel

Uma cidadã de 27 anos de idade queimou a mão direita do seu filho de 12 anos num fogareiro, no Lubango, província da Huíla,...

EUA: Substituição da juíza Ruth Bader Ginsburg opõe democratas e republicanos

A substituição de Ruth Bader Ginsburg, juíza do Supremo Tribunal Federal de Justiça e ícone progressista a favor dos direitos das mulheres, das minorias...

Pandemia transtorna Angola há seis meses

Completam-se hoje, 21 de Setembro, seis meses desde que foram anunciados, pela voz da ministra da Saúde, Sílvia Lutucuta, os dois primeiros casos positivos...

Notícias relacionadas

Jovem malaia luta pelo direito de não usar véu islâmico

A decisão de deixar de usar o véu islâmico e denunciá-lo como uma obrigação patriarcal valeu a Maryam Lee muitas críticas e uma investigação...

Mãe queima mão do filho por furto de telemóvel

Uma cidadã de 27 anos de idade queimou a mão direita do seu filho de 12 anos num fogareiro, no Lubango, província da Huíla,...

EUA: Substituição da juíza Ruth Bader Ginsburg opõe democratas e republicanos

A substituição de Ruth Bader Ginsburg, juíza do Supremo Tribunal Federal de Justiça e ícone progressista a favor dos direitos das mulheres, das minorias...

Pandemia transtorna Angola há seis meses

Completam-se hoje, 21 de Setembro, seis meses desde que foram anunciados, pela voz da ministra da Saúde, Sílvia Lutucuta, os dois primeiros casos positivos...

Mulher infectada com Covid contagiou 15 pessoas em voo

Uma mulher, infectada com Covid-19, teria propagado o vírus a outros 15 passageiros de um voo internacional entre Londres e o Vietname, de acordo...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.