- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo EUA Joe Biden nomeado oficialmente candidato democrata à Casa Branca

Joe Biden nomeado oficialmente candidato democrata à Casa Branca

Os democratas confirmaram na terça-feira a nomeação do ex-vice-presidente Joe Biden como candidato contra Donald Trump nas eleições presidenciais dos Estados Unidos, em 3 de Novembro, durante a convenção nacional do partido.

Sem surpresa, a maioria dos delegados escolheu o antigo vice-presidente para enfrentar o Presidente republicano, durante o segundo dia da convenção do partido, realizada de forma inteiramente virtual, por causa da pandemia da Covid-19.

Biden conseguiu o apoio de 3.558 delegados, em comparação com 1.151 para o senador mais à esquerda Bernie Sanders.

“Obrigado do fundo do meu coração”, disse Joe Biden, numa mensagem de vídeo em directo.

BILL CLINTON CRITICA CAOS DA ADMINISTRAÇÃO TRUMP
O antigo Presidente Bill Clinton e o antigo secretário de Estado John Kerry, candidato à presidência em 2004, foram as estrelas desta segunda noite, marcada igualmente pela presença do antigo Presidente Jimmy Carter, com 95 anos.

Bill Clinton criticou o Presidente republicano, apontando o seu fracasso nas políticas económicas.

“Donald Trump diz que estamos a liderar o mundo. Bem, somos a única grande economia industrial a ter triplicado a taxa de desemprego”, ironizou Clinton.

“Numa altura como esta, a Sala Oval devia ser um centro de comando. Em vez disso, é um centro de tempestade. Só há caos”, acusou.

A 77 dias das eleições, Joe Biden não tem, no entanto, a história do seu lado.

Nas últimas quatro décadas, só um Presidente em funções foi derrotado: George H. W. Bush, em 1992, por Bill Clinton.

Biden enfrenta desafios sem precedentes para transmitir a sua mensagem, durante uma convenção totalmente virtual, devido à Covid-19.

Não há público ao vivo para nenhum dos oradores, que na maioria discursaram em vídeos pré-gravados.

CONVENÇÃO DEMOCRATA QUINTA-FEIRA EM MILWAUKEE
A convenção democrata, em modo virtual, decorre na cidade de Milwaukee, no estado do Wisconsin, até quinta-feira, quando Joe Biden deverá fazer o discurso de aceitação da candidatura democrata.

A seu lado estará a senadora da Califórnia Kamala Harris, terceira mulher a ser designada como candidata a vice-Presidente nos Estados Unidos, depois da democrata Geraldine Ferraro em 1984 e da republicana Sarah Palin em 2008, que não foram eleitas.

- Publicidade -
- Publicidade -

Ano lectivo passa a ser de Setembro a Julho

Novo Calendário Escolar Quadro aplica-se a todas as instituições públicas, público-privadas de educação e ensino. Os próximos anos lectivos e académicos, tanto no ensino superior...
- Publicidade -

Bornito de Sousa acusa activista português de difamação

O vice-Presidente de Angola, Bornito de Sousa, e a filha, Naulila Diogo Graça, pretendem processar o activista português anti-corrupção Paulo de Morais por difamação....

PALOP: O que muda no regresso às aulas?

Turmas repartidas e horários desfasados são medidas previstas para o regresso às aulas presenciais em Cabo Verde, a 1 de Outubro. As aulas também...

Presidente francês, Emmanuel Macron, quer apoio europeu na crise da Bieolorússia

Durante uma visita a Vilnius, capital da Lituânia, o Presidente francês, Emmanuel Macron, defendeu um apoio pragmático europeu na crise da Bieolorússia. Macron, recebeu...

Notícias relacionadas

Ano lectivo passa a ser de Setembro a Julho

Novo Calendário Escolar Quadro aplica-se a todas as instituições públicas, público-privadas de educação e ensino. Os próximos anos lectivos e académicos, tanto no ensino superior...

Bornito de Sousa acusa activista português de difamação

O vice-Presidente de Angola, Bornito de Sousa, e a filha, Naulila Diogo Graça, pretendem processar o activista português anti-corrupção Paulo de Morais por difamação....

PALOP: O que muda no regresso às aulas?

Turmas repartidas e horários desfasados são medidas previstas para o regresso às aulas presenciais em Cabo Verde, a 1 de Outubro. As aulas também...

Presidente francês, Emmanuel Macron, quer apoio europeu na crise da Bieolorússia

Durante uma visita a Vilnius, capital da Lituânia, o Presidente francês, Emmanuel Macron, defendeu um apoio pragmático europeu na crise da Bieolorússia. Macron, recebeu...

Gratidão

Este é o sentimento que tomou conta da minha alma no momento em que escrevia este texto, depois de surpreendido com o Prémio de...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.