- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Angola Regiões Covid-19: Mais de 50 cidadãos condenados a pagar multa

Covid-19: Mais de 50 cidadãos condenados a pagar multa

Cinquenta e três cidadãos nacionais detidos no princípio desta semana no município do Soyo, província do Zaire, por uso incorrecto de máscaras faciais, começaram nesta quinta-feira a ser liberados, após a apresentação do comprovativo bancário de pagamento de multas no valor de cinco a 10 mil Kwanzas.

A informação vem expressa numa nota de imprensa do Comando Municipal do Soyo da Polícia Nacional, a que a Angop teve acesso hoje, quinta-feira, assegurando que encontra-se igualmente detido naquele município um cidadão nacional que na terça-feira última violou a cerca sanitária de Luanda, devendo pagar 150 mil Kwanzas de multa.

De acordo com a nota, a soltura está a ser feita gradualmente e mediante a apresentação do comprovativo bancário do valor da multa pelos familiares e outras pessoas ligadas aos infractores.

“Os cidadãos nacionais e estrangeiros que não efectuarem o pagamento das respectivas multas continuarão detidos até que regularizarem a sua situação”, lê-se ainda na nota.

O município do Soyo, zona costeira da província do Zaire, já contabiliza 14 casos positivos de Covid-19, todos confinados na Base de Apoio às Actividades da Indústria Petrolífera “Kwanda”.

- Publicidade -
FonteAngop
- Publicidade -

Paulo de Carvalho: Professores devem ser avaliados anualmente

Uma língua é um património social, não dependendo de caprichos de ninguém a sua alteração. Concorda com essa afirmação, que, aliás, é uma das...
- Publicidade -

TC confirma auditoria à gestão do BPC

O Tribunal de Contas (TC) admitiu, este sábado, a realização de auditoria à gestão do Banco de Poupança e Crédito (BPC), mas negou que...

MPLA “afina” máquina para próximos desafios eleitorais

O MPLA está a apostar na melhoria da sua máquina organizativa e no aperfeiçoamento da capacidade de mobilização, para enfrentar e vencer os desafios...

Caso 900 milhões: Irene Neto com contas congeladas e bens apreendidos em Angola

A Procuradoria-Geral da República (PGR) confirmou hoje ao Novo Jornal que as contas de Irene Neto, filha do primeiro Presidente de Angola, Agostinho Neto,...

Notícias relacionadas

Paulo de Carvalho: Professores devem ser avaliados anualmente

Uma língua é um património social, não dependendo de caprichos de ninguém a sua alteração. Concorda com essa afirmação, que, aliás, é uma das...

TC confirma auditoria à gestão do BPC

O Tribunal de Contas (TC) admitiu, este sábado, a realização de auditoria à gestão do Banco de Poupança e Crédito (BPC), mas negou que...

MPLA “afina” máquina para próximos desafios eleitorais

O MPLA está a apostar na melhoria da sua máquina organizativa e no aperfeiçoamento da capacidade de mobilização, para enfrentar e vencer os desafios...

Caso 900 milhões: Irene Neto com contas congeladas e bens apreendidos em Angola

A Procuradoria-Geral da República (PGR) confirmou hoje ao Novo Jornal que as contas de Irene Neto, filha do primeiro Presidente de Angola, Agostinho Neto,...

Cidadão mata amigo após desentendimento

Uma briga entre amigos resultou na morte, com bloco de construção civil, de um adolescente de 17 anos de idade, praticado por outro já...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.