- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Covid-19 Covid-19: País atinge mil infecções e regista o maior número de óbitos...

Covid-19: País atinge mil infecções e regista o maior número de óbitos num só dia

Angola atingiu, ontem, mil casos positivos da Covid-19 e registou o maior número de mortes num só dia, tendo chegado aos seis óbitos.

Os dados foram divulgados, em Luanda, pelo secretário de Estado para a Saúde Pública, durante o encontro com jornalistas sobre a evolução da pandemia no país. Franco Mufinda informou que o país registou, nas últimas 24 horas, 50 novos casos positivos da Covid-19, sendo 49 em Luanda e um na província do Bengo, importado da capital do país. Trata-se de uma cidadã de 63 anos.

Realçou que os casos positivos registados ontem têm idades compreendidas entre dois e 73 anos. De acordo com o governante, das pessoas infectadas 32 são do sexo masculino e 18 do sexo feminino. Os seis óbitos foram registados nos hospitais Militar, Capalanca, Viana, Kilamba Kiaxi e na Clínica Multiperfil. Os falecidos tinham entre 33 e 67 anos, sendo três do sexo feminino e igual número do sexo masculino.

De acordo com o secretário de Estado, ainda ontem foram recuperadas 24 pessoas que estavam infectadas pela Covid-19. Deste modo, o quadro epidemiológico no país passa a contar com mil casos positivos da Covid-19, 47 óbitos, 266 recuperados e 687 activos. Franco Mufinda informou que 15 pacientes estão em estado grave. Destes, oito estão em estado crítico a receber tratamento de ventilação mecânica invasiva e dois necessitam de hemodiálise.

O secretário de Estado informou, ainda, que o Centro Integrado de Segurança Pública (CISP) registou, nas últimas 24 horas, 72 chamadas, das quais 70 pedidos de informação relacionados à Covid-19. Referiu que no capítulo da biologia molecular foram processadas 3.750 amostras, das quais 50 positivas e 3.700 negativas.

No domínio da biologia molecular, desde o início da pandemia até ontem, foram processadas 62.802 amostras, sendo mil positivas. Quanto à testagem rápida, nas últimas 24 horas foram submetidas a exames 3.421 pessoas, tendo resultado em 190 casos activos. De acordo com o secretário de Estado para a Saúde Pública, o acumulado dos testes rápidos realizados até ao momento é de 33.300, sendo 1.900 reactivos.

No que diz respeito à quarentena institucional, ontem foram dadas altas a 87 pessoas, sendo 39 na Lunda-Norte, 34 no Uíge, cinco no Bié, igual número no Cuanza-Sul, três no Cuando Cubango e uma na província de Benguela. O secretário de Estado anunciou, ainda, que estão em quarentena institucional 561 pessoas e 4.026 contactos estão sob vigilância, numa altura em que os casos suspeitos apontam para 1.675.

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.