- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo Lusófono Moçambique Inhambane: Populares sem máscara queixam-se de extorsão policial

Inhambane: Populares sem máscara queixam-se de extorsão policial

Populares da província moçambicana de Inhambane, sul de Moçambique, queixam-se de extorsões protagonizadas por agentes da polícia quando apanham pessoas sem máscara nas ruas. Máscara é obrigatória para prevenir Covid-19.

O uso de máscaras é obrigatório em Moçambique, incluindo nas vias públicas. É o que está previsto na lei 8/2020 de 29 de Junho, ratificada pela Assembleia da República, que prorroga o estado de emergência devido à pandemia da Covid-19. Não estão previstas sanções, mas vários cidadãos da província de Inhambane dizem que agentes da polícia os obrigam a pagar para não serem detidos.

“Caso uma pessoa não tenha máscara, recrutam para um lugar e conversam juntos”, conta um residente à DW África. “Todo o pessoal sabe que o comando não é um sítio para brincar, para te soltarem você tem que [pagar] 50 [0,60 euros] ou 100 meticais [1,20 euro], depende das autoridades.”

Outro cidadão ouvido pela DW África diz que dois agentes lhe pediram muito mais: 2.000 meticais, quase 25 euros. “Eles disseram, se não tem, vamos lá no carro. Eu entrei. Fomos até ali e tirámos 900 meticais [11 euros]. Entregámos a eles e bazámos para casa”, conta.

Polícia pede ajuda da população

Mas nem todos os agentes agem mal, refere outro residente de Inhambane: “Às vezes, só te exigem comprar máscara, até te acompanham a comprar, mas outros polícias não fazem isso – bastam te ver, parece que você roubou, se você tem alguma coisa tira um ‘refresco’ e te deixam bazar.”

Augusto Bobo, comandante da polícia em Maxixe, disse à DW África que nem todos os agentes têm o mesmo comportamento. O responsável pede à população que denuncie os polícias que andam a extorquir cidadãos por não terem máscara.

“Tem um e outro que têm produzido comportamentos anormais”, refere Bobo. “Apelamos à população que, se for cobrado dinheiro, denunciem, porque um polícia tem que ser um espelho da sociedade.”

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.