- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Angola Política Zonas "cinzentas" no OGE 2020 provocam acesos debates no parlamento que retoma...

Zonas “cinzentas” no OGE 2020 provocam acesos debates no parlamento que retoma quarta-feira debate sobre o documento

Acesos debates na Assembleia Nacional obrigaram o presidente do órgão, Fernando da Piedade Dias dos Santos, a suspender a aprovação esta terça-feira, na generalidade, do OGE 2020 revisto que prevê receitas e despesas estimadas em 13, 5 biliões de Kwanzas.

Na discussão, os deputados da oposição constataram a existências de várias “zonas cinzentas” no OGE e alegam que não podem passar o documento à especialidade sem que os casos fossem esclarecidas pelo Executivo.

Uma das inquietações veio da província do Kuando Kubango, onde uma das principais ruas da cidade já com obras concluídas voltou a aparecer no OGE.

O deputado da UNITA Adriano Sapiñala, que assistiu à plenária por via videoconferência, alertou que a referida rua, situada próxima da sua residência, já se encontra reabilitada.

“Senhor presidente da Assembleia Nacional, é bom reverem esta situação. A rua que consta no OGE para sua reabilitação fica próximo da minha casa e já está reabilitada”, denunciou.

O líder do grupo parlamentar da CASA-CE, Alexandre Sebastião André, disse que este orçamento em discussão, num momento em que o País enfrenta a crise financeira e da Covid-19, “deve ser analisado minuciosamente para se evitar os vícios do passado”.

“Se estamos em crise, não pode haver irregularidades na aprovação deste documento”, concluiu.

O deputado PRS, Benedito Daniel, defendeu a fiscalização dos projectos PIIM em curso em todo o País.

O OGE 2020 revisto, que prevê receitas e despesas estimadas em 13, 5 biliões de Kwanzas, vai à discussão e votação, na generalidade, na quarta-feira, apesar de estar previsto que a votação tivesse lugar ainda hoje, terça-feira, em reunião plenária da Assembleia Nacional (AN).

O OGE revisto teve em conta o preço de referência de 33 dólares norte-americanos por barril de petróleo, verificando-se uma redução de cerca de 14,9 por cento, relativamente ao OGE/2020, inicialmente proposto.

- Publicidade -
FonteNJ
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.