- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Crónicas e Artigos Muangai em contagem regressiva para o desenvolvimento

Muangai em contagem regressiva para o desenvolvimento

A distância e o tempo reencontraram-se em Muangai. Precisamente no dia em que o Governador Gonçalves Muandumba accionou o lançamento da primeira pedra para a construção dos edifícios que devem albergar a administração central da comuna.

Vista aérea da comuna de Muangai onde a natureza se casou com o homem. (Foto: D.R.)

De forma hierárquica estão priorizadas as instalações para o Administrador comunal, e o seu adjunto, técnicos e a central de apoio à reabilitação da Administração comunal e construção de pequenos sistemas de água para a população.

Em Muangai foram instalados com carácter imediato, os serviços de registo civil, estruturas e meios de prevenção à Covid-19, incluindo rastreios e despistagem da pandemia.

Gonçalves Muandumba, falou em Chokwe, anunciando novos ventos para a comuna, que há 18 anos subscreveu com entusiasmo, o fim da guerra que assolou o país.

O Governador Gonçalves Muandumba num gesto humanitário em Muangai (Foto: D.R.)

Para quem é da província o gesto do governador Gonçalves Muandumba, ao exprimir-se na língua nacional tchokwe tem um significado especial, para a tradição local, muito ciosa da sua cultura e um sinal de proximidade com os anseios das populações, que durante muitos anos, viveu o sabor amargo do distanciamento do poder central, por motivos da fraca acessibilidade à região, que dista a 250 quilómetros do Luena, a capital da província, em areal bastante denso.

Travessia da ponte em Muangai, um exercício de perícia e sangue frio (Foto: D.R.)

O PIIM veio dar um novo impulso à localidade, que há 45 anos não tinha qualquer vínculo com o poder provincial, devido às circunstâncias naturais do território, sem estrada asfaltada, a permitir uma ligação frequente com o resto do país. Factores de outra natureza, a política, poderão eventualmente estar associados, mas isto são contas de outro rosário.

Acompanhando o processo de prevenção à Covid 19
(Foto: D.R.)

Em Muangai o sonho da normalidade administrativa ganhou fôlego e o Programa de Intervenção Integrada nos Municípios, (PIIM), contempla precisamente, as estruturas essenciais, para o reforço da autoridade governativa da localidade. Por isso a visita do governador provincial, teve o condão de satisfazer anseios plasmados no coração muangaiense.

Não restam dúvidas que doravante, a comuna entra em sintonia com o resto da província, para aquilo que são os objectivos e programas de desenvolvimento do país.


VÍDEO REPORTAGEM DA VISITA DO GOVERNADOR G.MUANDUMBA A MUANGAI- TPA – YOU TUBE

Em termos reais, o Muangai, comuna com pouco mais de três mil habitantes, que deu títulos a sonhos de poder em Angola é uma localidade inscrita nos programas do Governo, em resposta aos anseios de todos os habitantes que se manifestam disponíveis para participarem no esforço nacional de luta contra a pobreza e outros itens sociais, no quadro dos objectivos governamentais.

Para o Governo é fundamental que a região esteja em sintonia, marque posição como região onde a produção agrícola, que é o seu cartão postal e explore recursos naturais que possui, com a certeza de garantir, a breve trecho, as comodidades sociais que merece.

Em Muangai existe a mística do sucesso e uma grande vontade de afirmação nacional, naquilo que são os seus propósitos naturais de crescimento económico, mas também de afirmação cultural regional, resultante do seu carisma, de localidade com os pés bem assentes na terra.

Foi bom ver estampadas no rosto das pessoas, a esperança e a oportunidade de se sentirem contempladas pelo Governo, com as atenções que antes estiveram distantes das barricadas dos sonhos mal digeridos pelas agruras da vida.

Daqui há algum tempo voltaremos a Muangai a falar dos sucessos alcançados em campos como a Educação, Cultura e produção agro-industrial, quando os caminhos estiverem livres dos empecilhos que atrasaram a sua enorme vontade de ser um pedaço de terra, onde Angola se exalte com amor e paixão. De Muangai termino com um forte abraço e votos de grande prosperidade e sucesso.

- Publicidade -
- Publicidade -

Singelo tributo ao cantor e compositor Diana Simão Nsimba (1946-2011)

Voz representativa do “Período do Retorno” da Música Popular Angolana e um dos fundadores do agrupamento Olímpia, Diana Simão Nsimba teve o mérito de...
- Publicidade -

IURD: “Ala brasileira” promove manifestação em Luanda

Mais de 100 obreiros da Igreja Universal do Reino de Deus, afectos à “ala brasileira”, juntaram-se ontem defronte à Catedral do Maculusso, em Luanda,...

Prazos de elaboração encurtados: Solicitada entrega dos gestores na preparação do OGE 2021

Orçamento preliminar é um instrumento de base e um documento que os gestores do sistema podem apresentar para um novo ano. A directora nacional do...

Crédito sem muita burocracia: BAI apoia várias empresas com 30 milhões de kwanzas

Os produtos “Crédito Facilidade de Tesouraria” e “Descoberto Bancário”, do Banco Angolano de Investimentos (BAI), estão a apoiar as empresas e cooperativas interessadas com...

Notícias relacionadas

Singelo tributo ao cantor e compositor Diana Simão Nsimba (1946-2011)

Voz representativa do “Período do Retorno” da Música Popular Angolana e um dos fundadores do agrupamento Olímpia, Diana Simão Nsimba teve o mérito de...

IURD: “Ala brasileira” promove manifestação em Luanda

Mais de 100 obreiros da Igreja Universal do Reino de Deus, afectos à “ala brasileira”, juntaram-se ontem defronte à Catedral do Maculusso, em Luanda,...

Prazos de elaboração encurtados: Solicitada entrega dos gestores na preparação do OGE 2021

Orçamento preliminar é um instrumento de base e um documento que os gestores do sistema podem apresentar para um novo ano. A directora nacional do...

Crédito sem muita burocracia: BAI apoia várias empresas com 30 milhões de kwanzas

Os produtos “Crédito Facilidade de Tesouraria” e “Descoberto Bancário”, do Banco Angolano de Investimentos (BAI), estão a apoiar as empresas e cooperativas interessadas com...

INFOSI aposta na inclusão digital

 A massificação e inclusão digital, com a distribuição gratuita do sinal de internet aos cidadãos, por meio do programa Angola Online, é um dos...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.