- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo Lusófono Brasil Governo Bolsonaro exonera chefe do INPE após dados recordes de desmatamento da...

Governo Bolsonaro exonera chefe do INPE após dados recordes de desmatamento da Amazônia

O governo federal exonerou nesta segunda-feira (13) a coordenadora-geral de Observação da Terra do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), apenas poucos dias depois de um novo informe da entidade apontar 14 meses consecutivos de crescimento do desmatamento na Amazônia.

A medida foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) e foi atribuída ao ministro da Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes.

O Palácio do Planalto não ofereceu explicações sobre a exoneração. Para ambientalistas, isso levanta preocupações de interferência política à medida que a destruição aumenta na Floresta Amazônica.

Na sexta-feira (10), o INPE apontou que o desmatamento aumentou pelo 14º mês consecutivo e aumentou 25% nos primeiros seis meses do ano, em comparação com o mesmo período do ano anterior.

Na segunda-feira (13) à noite, o INPE divulgou um comunicado dizendo que a Vinhas havia sido transferida como parte de uma reestruturação maior existente para melhorar as operações da agência.

Segundo o instituto, ela liderará um projeto especial para lançar um banco de dados de “georreferenciamento” e seu departamento será fundido com departamentos meterológicos e outros.

O momento da demissão levanta questões sobre a motivação política, avaliou Marcio Astrini, chefe da organização não governamental (ONG) Climate Observatory.

“No mínimo, é muito estranho que uma gerente do INPE que lide com os dados de desmatamento seja demitida no dia seguinte [útil] após a divulgação dos dados de desmatamento”, comentou Astrini.
O chefe da ONG citou, no ano passado, a renúncia do alto funcionário do INPE, o diretor Ricardo Galvão, pelo presidente Jair Bolsonaro, logo após a divulgação de dados que mostram o agravamento do desmatamento que irritou o mandatário brasileiro.

“Pelo menos, isso cria desconfiança nas intenções do governo”, disse Astrini.
O INPE informou que foi forçado a se reestruturar devido à escassez de pessoal causada por cortes no orçamento.

- Publicidade -
FonteSputnik
- Publicidade -

Morre Vladimir Popovic, lenda do futebol da antiga Iugoslávia

O ex-meio campo fez grande parte da sua carreira de treinador nos anos 70 na Colômbia, onde foi campeão com o Santa Fé e...
- Publicidade -

Brasil indicia polícias que balearam angolano

A Brigada Militar do Rio Grande do Sul, no Brasil, indiciou, por crime militar, os três polícias envolvidos, em Maio, no incidente que causou...

Presidente da República pede à Assembleia Nacional a reapreciação do novo Código de Processo Penal

O Presidente da República, João Lourenço, solicitou, ontem, que a Assembleia Nacional reaprecie artigos específicos do Código Penal, relacionados fundamentalmente com os crimes cometidos...

OMS discute com a Rússia nova vacina contra a Covid-19

A Organização Mundial da Saúde (OMS) e as autoridades de saúde russas estão a discutir o processo para uma possível pré-qualificação da OMS para...

Notícias relacionadas

Morre Vladimir Popovic, lenda do futebol da antiga Iugoslávia

O ex-meio campo fez grande parte da sua carreira de treinador nos anos 70 na Colômbia, onde foi campeão com o Santa Fé e...

Brasil indicia polícias que balearam angolano

A Brigada Militar do Rio Grande do Sul, no Brasil, indiciou, por crime militar, os três polícias envolvidos, em Maio, no incidente que causou...

Presidente da República pede à Assembleia Nacional a reapreciação do novo Código de Processo Penal

O Presidente da República, João Lourenço, solicitou, ontem, que a Assembleia Nacional reaprecie artigos específicos do Código Penal, relacionados fundamentalmente com os crimes cometidos...

OMS discute com a Rússia nova vacina contra a Covid-19

A Organização Mundial da Saúde (OMS) e as autoridades de saúde russas estão a discutir o processo para uma possível pré-qualificação da OMS para...

Pânico gerado por rumor de tiroteio causa dezenas de feridos em Cannes

Dezenas de pessoas sofreram ferimentos ligeiros na sequência de um momento de pânico gerado pelo rumor de um tiroteio na cidade francesa de Cannes. Segundo...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.