- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Angola Regiões PIIM 'traz vida' ao município de Porto Amboim

PIIM ‘traz vida’ ao município de Porto Amboim

Com mais de 400 anos e uma população que vive essencialmente da pesca, criação de gado e da agricultura, os munícipes de Porto Amboim aguardam com satisfação a implementação dos projectos ligados ao Plano Integrado de Intervenção nos Municípios (PIIM) para verem melhorada a qualidade de vida.

José Ricardo |Porto Amboim

António Eusébio ‘Hary yatula’ é o administrador que, desde muito cedo, manifestou vontade em trabalhar para melhorar a vida daquele município que há muito precisa de melhoramento nas mais variadas vertentes.

De acordo com António Eusébio, ao nível do município se tem trabalhado na divulgação dos projectos ligados ao Plano Integrado de Intervenção nos Municípios (PIIM), visto que as comunidades estão expectantes para verem as obras e os benefícios deste plano que já arrancou em alguns municípios do País.

Por este facto, garante o administrador, várias visitas de constatação foram feitas nas localidades do Capolo e São Filipe. “Nestas localidades além da falta de registo de nascimento para crianças, adultos e até mesmo idosos constatamos também que há áreas que não existem escolas nem postos de saúde”, explicou, apontando, a título do exemplo, que mais de 350 crianças estão sem estudar e em relação a saúde têm de percorrer vários quilómetros até a sede do município para serem consultados.

“Nestas zonas vamos construir escolas e postos médicos com produto local, portanto de adobe. Neste momento, já estamos a mobilizar a força de trabalho, nomeadamente, técnicos de saúde e professores que irão leccionar e atender a população que se dirigirem nos postos médicos”, disse acrescentando que as populações destas localidades mostram-se satisfeitas e enquanto governo, o seu papel é fazer com que as coisas aconteçam.

Iluminação incentiva criminalidade
Outro problema identificado por António Eusébio e a equipa que o acompanhou nestas visitas é a criminalidade nalguns bairros onde a ausência de iluminação pública incentiva os jovens ao crime.

Para tal, a previsão é iluminar estas zonas principalmente a estrada nacional número 100 (N100) onde o breu é total.
“Isso vai ajudar a melhorar a prestação da nossa polícia que também possui pouco efectivo e carece de meios para facilitar o seu trabalho de policiamento de proximidade”, notou.

Morro do Kissonde, Porto Amboim.
(Foto cedida)

António Eusébio lembrou ainda que o município conheceu o lançamento do tão esperado programa do PIIM em Maio e de lá para cá já têm alguns projectos em marcha, nomeadamente, o mercado do peixe, escolas no bairro 4 de Fevereiro, Capolo e Ngola Lombo.

“Rubricamos o contrato para o arranque das obras dos cerca de 20 quilómetros de estrada e vamos também rubricar com a fiscalização do projecto que vai rondar num montante total de 147 milhões de kwanzas, tudo para mudar a vida dos munícipes”, apontou, notando que o objectivo é deixar orgulhados os citadinos destas localidades pela transparência e prestação de contas dos trabalhos em execução para o bem das próprias comunidades.

Água potável é uma realidade
Em relação ao precioso líquido este responsável afirmou que já é uma realidade e que melhorou consideravelmente com a recepção de motas cisternas que já levam a água até as zonas mais distante onde no passado não havia, nomeadamente, as aldeias e povoações da comuna do Capolo e no quilómetro 70 e, na sede do município, nos bairros do Tango e outros que viram reforçada a sua capacidade neste período da Covi-19.

“Temos vindo a trabalhar duro para que as famílias consigam higienizar-se para evitarmos os contágios desta doença que arrasa o mundo”, sustentou, sem se esquecer das duas motos cisternas entregues aos responsáveis do mercado municipal, denominado “parque”, para a higienização das vendedeiras e cidadãos que ali acorrem para as compras nos dias previstos para tal.

Segundo apurou o Portal de Angola, o mercado está a sofrer uma reforma, para o melhoramento do saneamento e a higiene no local no sentido das vendedeiras estarem bem acomodadas. Neste momento, decorre também a organização dos contentores para a venda a grosso e a construção de faixas próprias para os peões. Terá ainda um tanque de 30 metros cúbicos e zonas balnear.

Hospital pronto para Covid-19
António Eusébio frisou ainda que o hospital materno-infantil está pronto para receber os casos suspeitos de Covid-19. Com cinco camas a disposição, este hospital foi preparado para encaminhar ao hospital da Quibala, onde tem melhores condições para o efeito, todos os casos que depois venham a ser confirmados como positivos.

“O nosso hospital também brevemente será reabilitado, aliás, já saiu um anúncio no jornal que dá conta do concurso público para as referidas obras. Neste momento a unidade possui 90 camas e os pacientes nela internados são bem atendidos.

Em gesto de conclusão, o administrador apelou a calma aos munícipes no sentido de ajudarem o governo na concretização dos projectos que coloca a disposição das comunidades para que num futuro breve o município de Porto Amboim venha a ser uma terra melhor para se viver.

- Publicidade -
- Publicidade -

Fábrica de material explosivo em zona residencial: Moradores do bairro “Pólvora” vivem em perigo de explosão

Encaixado entre os municípios do Cazenga e de Cacuaco, existe um bairro, “Pólvora”, com centenas de casas ao redor de uma fábrica do produto,...
- Publicidade -

Sete agentes da Polícia Nacional assassinados nos últimos seis meses em Luanda

A Polícia Nacional de Angola (PNA) registou, no primeiro semestre do ano em curso, a ocorrência de 26 casos de efectivos da corporação, vítimas...

Homem armado mantém três reféns na França

Um homem armado com uma pistola mantém pelo menos três reféns no interior de um banco no centro da cidade portuária de Le Havre,...

Libaneses protestam contra governo após mega explosão em Beirute

Dezenas de libaneses se reuniram nesta quinta-feira (6) perto da entrada do Parlamento, em Beirute, para protestar contra o governo, dois dias após uma...

Notícias relacionadas

Fábrica de material explosivo em zona residencial: Moradores do bairro “Pólvora” vivem em perigo de explosão

Encaixado entre os municípios do Cazenga e de Cacuaco, existe um bairro, “Pólvora”, com centenas de casas ao redor de uma fábrica do produto,...

Sete agentes da Polícia Nacional assassinados nos últimos seis meses em Luanda

A Polícia Nacional de Angola (PNA) registou, no primeiro semestre do ano em curso, a ocorrência de 26 casos de efectivos da corporação, vítimas...

Homem armado mantém três reféns na França

Um homem armado com uma pistola mantém pelo menos três reféns no interior de um banco no centro da cidade portuária de Le Havre,...

Libaneses protestam contra governo após mega explosão em Beirute

Dezenas de libaneses se reuniram nesta quinta-feira (6) perto da entrada do Parlamento, em Beirute, para protestar contra o governo, dois dias após uma...

Covid-19: Angola bate novo recorde de casos diários com 88 infecções e Benguela entra para a lista de províncias afectadas pela pandemia

Angola bateu hoje o recorde de casos ao somar mais 88 resultados positivos de covid-19, aumentando para 1.483 o número de infecções pelo novo...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.