- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Vida Saúde Covid-19: Mais de 30 casos suspeitos rastreados no Cuanza Norte

Covid-19: Mais de 30 casos suspeitos rastreados no Cuanza Norte

Trinta e nove casos suspeitos de Covid-19 constitui o saldo de 856 testes rápidos da doença realizados nos últimos dois dias a vários funcionários públicos do município de Cazengo (sede do Cuanza Norte), no quadro das acções locais de reforço ao combate à pandemia.

A informação foi prestada à imprensa esta quinta-feira, pela directora do Gabinete Provincial de Saúde, Maria Filomena Wilson, que esclareceu deverem os casos suspeitos ser encaminhados aos laboratórios de referência, em Luanda, para confirmação.

Enquanto se aguarda pelos resultados definitivos, referiu, os indivíduos suspeitos (todos com quadro assintomático) deverão permanecer em quarentena domiciliar, sob acompanhamento de profissionais de saúde.

Para o referido diagnóstico, Maria Filomena Wilson disse que a província recebeu um contingente de mil testes rápidos a partir do Ministério da Saúde, que poderão ser reforçados a qualquer momento para a realização de testes em massa nas comunidades.

A par dos testes rápidos referenciados, a responsável esclareceu que desde 5 de Abril do ano em curso, a província registou um total de 16 casos positivos de Covid-19 confirmados, fruto da recolha de 2.191 amostras, encaminhadas para os laboratórios de referência, em Luanda.

Referiu que, dos 16 casos positivos confirmados, cinco foram transferidos para unidades de tratamento em Luanda e onze recebem assistência numa das unidades criadas para o efeito na província, onde os pacientes apresentam um quadro clínico considerado estável.

Maria Filomena Wilson anunciou o levantamento da cerca sanitária da Rua dos Índios (Tomás José Marques), confinada há mais de 15 dias, enquanto decorrem trabalhos para a mesma medida nas cercas dos bairros Sambizanga e Posse, cujos moradores serão submetidos a novos testes rápidos, para posterior desconfinamento.

O Cazengo (município sede do Cuanza Norte) é a segunda região do país a registar casos positivos de Covid-19, após Luanda. Cazengo e Luanda estão submetidas a nova cerca sanitária à luz do Decreto Presidencial n.º 184/20, de 8 de Julho, que começa a vigorar a partir desta quinta-feira (9 de Julho).

- Publicidade -
FonteAngop
- Publicidade -

[Análise] Como estão os líderes empresariais africanos a lidar com a crise do coronavírus?

Pessimismo no futuro imediato, mas confiança no futuro do continente a longo prazo: esta é a conclusão da segunda edição do barómetro sobre o...
- Publicidade -

China garante que OMS deu aval ao uso de vacinas que ainda estão em estudo

As autoridades chinesas dizem que a Organização Mundial da Saúde deu apoio e aceitou a administração de vacinas experimentais que estão a ser desenvolvidas...

Covid-19: Grupo de 34 reclusos infetados foge de prisão no Brasil

Um grupo de 34 presos, infetados com covid-19, fugiu esta terça-feira através de um túnel de uma prisão no Brasil, com graves problemas de...

Zimbabwe aceita devolver terras a fazendeiros brancos

O Governo zimbabweano está a elaborar um plano para possibilitar a devolução, a milhares de fazendeiros brancos, das terras que lhes foram violentamente retiradas...

Notícias relacionadas

[Análise] Como estão os líderes empresariais africanos a lidar com a crise do coronavírus?

Pessimismo no futuro imediato, mas confiança no futuro do continente a longo prazo: esta é a conclusão da segunda edição do barómetro sobre o...

China garante que OMS deu aval ao uso de vacinas que ainda estão em estudo

As autoridades chinesas dizem que a Organização Mundial da Saúde deu apoio e aceitou a administração de vacinas experimentais que estão a ser desenvolvidas...

Covid-19: Grupo de 34 reclusos infetados foge de prisão no Brasil

Um grupo de 34 presos, infetados com covid-19, fugiu esta terça-feira através de um túnel de uma prisão no Brasil, com graves problemas de...

Zimbabwe aceita devolver terras a fazendeiros brancos

O Governo zimbabweano está a elaborar um plano para possibilitar a devolução, a milhares de fazendeiros brancos, das terras que lhes foram violentamente retiradas...

Inacom e parceiros criam plataforma de diálogo

O Instituto Angolano das Comunicações (INACOM), as operadoras e as associações dos consumidores, decidiram, a partir desta quinta-feira, em Luanda, a criação de uma...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.