- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo Lusófono Cabo Verde 45º Aniversário da Independência de Cabo Verde comemorado com limitações

45º Aniversário da Independência de Cabo Verde comemorado com limitações

Os 45 anos da Independência de Cabo Verde assinalados neste domingo estão a ser celebrados com muitas limitações devido à pandemia do novo coronavírus. O discurso do chefe de Estado, Jorge Carlos Fonseca foi marcado pelo impacto da covid-19 em Cabo Verde, numa altura em que as autoridades sanitárias acabam de dar conta de uma 17ª vítima mortal da pandemia, o país tendo contabilizado nas últimas 24 horas, mais 31 novos casos sobre um total de 1451 infecções.

A Sessão Solene Comemorativa do quadragésimo quinto aniversário da Independência Nacional, no parlamento, aconteceu, nesta manhã, com fraca assistência e o Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca no seu discurso lembrou as vítimas da covid-19 e agradeceu o empenho dos profissionais de saúde na luta contra o novo coronavírus.

“Aos profissionais de saúde, desde o mais humilde aos especialistas e dirigentes, limito-me a dizer apenas “muito obrigado”, pois que enumerar os sacrifícios consentidos e a abnegação no desempenho, saberia mesmo assim a pouco” agradeceu o Presidente da República.

No seu discurso, Jorge Carlos Fonseca afirmou que com a pandemia da covid-19, “as assimetrias regionais e as desigualdades sociais em Cabo Verde ficaram muito mais patentes”.

Assim o Chefe de Estado pediu o reforço de políticas de inclusão.“Torna-se imperativo o reforço de políticas que favoreçam a inclusão e combatam a pobreza, sobretudo a extrema, em áreas como a habitação, o emprego, o acesso à protecção social e à educação”, declarou.

As celebrações dos quarenta e cinco anos da independência de Cabo Verde ficam ainda marcadas pela deposição de coroa de flores no Memorial Amílcar Cabral, um buzinão de carros em São Vicente, para exigir a autonomia das ilhas e ao longo deste dia acontece um concerto online transmitido ao vivo nas principais plataformas digitais para o país e a diáspora.

- Publicidade -
FonteRFI
- Publicidade -

MPLA nega envolvimento na inviabilização do PRA-JA Servir Angola junto do Tribunal Constitucional

O secretário do Bureau Político do MPLA para os Assuntos Políticos e Eleitorais, Mário Pinto de Andrade, desvalorizou as declarações do coordenador da comissão...
- Publicidade -

Artistas reclamam que apoio do Governo moçambicano não chega à Zambézia

Artistas na Zambézia reclamam que recursos do projecto "Arte no Quintal”, idealizado pelo Governo para apoiá-los durante a pandemia, não chega à província: "Quando...

Covid-19: Campanha “Luanda Solidária” ajuda professores do ensino privado

Campanha "Luanda Solidária" pretende angariar fundos para ajudar professores do ensino privado que passam dificuldades devido à Covid-19. Mas o Estado angolano não deve...

Violência xenófoba contra moçambicanos faz um morto em Joanesburgo

Um imigrante moçambicano morreu e pelo menos 18 pessoas também de nacionalidade moçambicana ficaram desalojadas por alegada violência xenófoba no leste de Joanesburgo, África...

Notícias relacionadas

MPLA nega envolvimento na inviabilização do PRA-JA Servir Angola junto do Tribunal Constitucional

O secretário do Bureau Político do MPLA para os Assuntos Políticos e Eleitorais, Mário Pinto de Andrade, desvalorizou as declarações do coordenador da comissão...

Artistas reclamam que apoio do Governo moçambicano não chega à Zambézia

Artistas na Zambézia reclamam que recursos do projecto "Arte no Quintal”, idealizado pelo Governo para apoiá-los durante a pandemia, não chega à província: "Quando...

Covid-19: Campanha “Luanda Solidária” ajuda professores do ensino privado

Campanha "Luanda Solidária" pretende angariar fundos para ajudar professores do ensino privado que passam dificuldades devido à Covid-19. Mas o Estado angolano não deve...

Violência xenófoba contra moçambicanos faz um morto em Joanesburgo

Um imigrante moçambicano morreu e pelo menos 18 pessoas também de nacionalidade moçambicana ficaram desalojadas por alegada violência xenófoba no leste de Joanesburgo, África...

UNITA sugere eliminação das assimetrias regionais

A UNITA sugeriu, nesta segunda-feira, em Luanda, a eliminação das assimetrias para o desenvolvimento harmonioso e equilibrado das comunidades. Numa declaração alusiva ao aniversário de...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.