Radio Calema
InicioVidaSaúdeCasos de malária quase triplicam no Longonjo

Casos de malária quase triplicam no Longonjo

O número de casos de malária no município do Longonjo (Huambo) quase que triplicou, nos últimos cinco meses, ao passar de sete mil e 759 para 18.735 em comparação ao igual período anterior, informou hoje, segunda-feira, o director local em exercício da Saúde, Cândido Cangombe.

Segundo o responsável, em declarações à ANGOP, apesar do aumento do número de casos, a taxa de mortalidade é considerada baixa, com três óbitos identificados, numa altura em que as autoridades intensificaram as campanhas de sensibilização sobre os cuidados primários e uso correcto de mosquiteiros impregnado com insecticida de longa duração.

O responsável informou que outra luta para prevenir a doença tem a ver com a consolidação dos métodos preventivos a esta doença, transmitida pela picada do mosquito, envolvendo a população no processo de eliminação desta patologia, através do reforço das práticas de higienização das comunidades.

Cândido Cangombe disse que actualmente a população tem estado a colaborar e a participar, de forma activa, nos programas de luta contra a malária, com a observância dos cuidados primários de saúde para travar o seu alastramento.

O responsável denunciou, entretanto, a existência de cidadãos que usam os mosquiteiros para pesca e vedação de hortaliças, não obstante o cultivo de milho nos quintais.

Por outro lado, as autoridades sanitárias desta municipalidade notificaram, nos últimos cinco meses, 10 mil e 109 casos de doenças respiratórias agudas contra nove mil e 790 do igual período anterior.

O Sistema de Saúde do município do Longonjo, cuja sede está localizada a 62 quilómetros da cidade do Huambo, possui um hospital, cinco centros e sete postos de médicos.

Localizado a 64 quilómetros a Oeste da cidade do Huambo, o município do Longonjo, com uma extensão de 2.915 quilómetros quadrados, foi fundado a 28 de Maio de 1918.

Estima-se que a população do Longonjo seja de 110 mil pessoas, distribuídas pelas comunas Catabola, Chilata, Lépi e Sede municipal, que fazem da agricultura familiar e da pecuária a principal fonte de renda.

Segundo a História, o nome Longonjo (palavra de origem Umbundu) constitui o plural da expressão “ongondjo”, casca de tronco, em português. Antigamente, o material servia para transportar mercadorias, com realce para brita e outros objectos, usados para a construção dos Caminhos-de-Ferro de Benguela e da estrada.

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.