Radio Calema
InicioVidaSaúdeTuberculose causa 30 mortes na Lunda Sul

Tuberculose causa 30 mortes na Lunda Sul

Trinta pessoas, entre crianças, jovens, adultos e idosos, morreram vítimas de tuberculose no Hospital Sanatório da Lunda Sul, nos primeiros seis meses deste ano, informou o director clínico da referida unidade, Félix Upale.

Comparativamente a igual período de 2019, segundo o responsável, que falava à ANGOP, houve um aumento de 10 mortes, e mais seis casos diagnosticados (712 contra 706).

Como causas do aumento de casos, aponta a negligência e falta de seguimento das consultas por parte dos pacientes, destacando a tuberculose pulmonar como a mais predominante entre os casos registados.

A infecção por Hiv-sida, malnutrição, diabetes, alcoolismo e tabaco são alguns dos factores de risco apontados pelo responsável para se contrair a doença.

No período em referência, a unidade registou 13 casos de abandono de tratamento ambulatório.

Foram igualmente internados 134 pacientes, sendo que 112 receberam altas médicas, dando continuidade ao tratamento ambulatório.

O hospital atende, em média, dois pacientes/dia, sobretudo oriundos do exterior da província, uma vez que os municípios do Dala e Muconda não dispõem de serviços de baciloscopia.

O Hospital Sanatório da Lunda Sul possui uma capacidade de internamento para 30 camas e tem internados 13 pacientes, entre crianças, jovens e adultos.

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.