- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Economia OPEP decide estender acordo de corte na produção de petróleo

OPEP decide estender acordo de corte na produção de petróleo

Em reunião virtual neste sábado (6), a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) decidiu por estender um acordo de corte na produção de petróleo mundial.

A OPEP concordou em continuar cumprindo os níveis de produção acordados anteriormente, cujo período de duração ia de maio a Junho deste ano. Com a decisão deste sábado (6), o acordo continuará em vigor até o final de Julho de 2020.

Conforme decidido, fica mantido o acordo que previa reduzir a produção de petróleo mundial em 9,7 milhões de barris por dia, conforme afirmou uma fonte familiarizada com os termos do projecto de comunicado que será divulgado pela organização após o término da reunião.

“Sim, de acordo com o projecto, o actual corte de produção, acordado para maio e Junho, ou seja, 9,7 milhões de barris por dia, será estendido até o final de Julho”, disse a fonte.

No dia 13 de Abril deste ano, após reunião realizada por vídeo-conferência, foi anunciado que a OPEP havia chegado a um acordo e cortaria a produção de petróleo em 9,7 milhões de barris de petróleo por dia, levando em conta a queda na demanda por petróleo no mundo inteiro devido à pandemia da COVID-19. À época, a queda brusca na demanda derrubou o preço do petróleo.

- Publicidade -
FonteSputnik
- Publicidade -

Queda do valor do preço do petróleo pode deixar Governo angolano sem dinheiro para investimentos

As receitas fiscais petrolíferas em Angola valem menos de 50 por cento, pela primeira vez, revelou o Standard Bank nesta semana. Economistas angolanos dizem que...
- Publicidade -

Empresário libanês expulso de Angola foi libertado pelos EUA

O empresário libanês Ali Tajideen, que durante vários anos operou em Angola e foi condenado nos Estados Unidos por lavagem de dinheiro a favor...

Caso 500 milhões: Julgamento continua com leitura de quesitos – Supremo anuncia hoje data da sentença

O julgamento do caso 500 milhões de dólares, que envolve o antigo presidente do Fundo Soberano (FSDEA), José Filomeno dos Santos "Zenu", e o...

Cerca sanitária: Hotel no Lubango suspeito de albergar pessoas com Covid-19 provenientes de Luanda

O Novo Hotel, no Lubango, Huíla, está desde o início do dia de hoje, quinta-feira, 09, sujeito a uma cerca sanitária com reforço policial...

Notícias relacionadas

Queda do valor do preço do petróleo pode deixar Governo angolano sem dinheiro para investimentos

As receitas fiscais petrolíferas em Angola valem menos de 50 por cento, pela primeira vez, revelou o Standard Bank nesta semana. Economistas angolanos dizem que...

Empresário libanês expulso de Angola foi libertado pelos EUA

O empresário libanês Ali Tajideen, que durante vários anos operou em Angola e foi condenado nos Estados Unidos por lavagem de dinheiro a favor...

Caso 500 milhões: Julgamento continua com leitura de quesitos – Supremo anuncia hoje data da sentença

O julgamento do caso 500 milhões de dólares, que envolve o antigo presidente do Fundo Soberano (FSDEA), José Filomeno dos Santos "Zenu", e o...

Cerca sanitária: Hotel no Lubango suspeito de albergar pessoas com Covid-19 provenientes de Luanda

O Novo Hotel, no Lubango, Huíla, está desde o início do dia de hoje, quinta-feira, 09, sujeito a uma cerca sanitária com reforço policial...

Governador russo detido por suspeita de envolvimento em homicídios

Um governador provincial no extremo oriente russo foi hoje detido por suspeitas de envolvimento numa série de homicídios e outros delitos graves, anunciou o...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.