Radio Calema
InícioMinistériosMinistério da Defesa NacionalCovid-19: Ministro exige maior envolvimento dos militares

Covid-19: Ministro exige maior envolvimento dos militares

Os efectivos das Forças Armadas Angolanas (FAA) devem continuar a assumir uma postura exemplar, juntando-se a Polícia Nacional na protecção e manutenção da ordem para se evitar a propagação da pandemia da covid-19 no seio dos angolanos.

O desafio foi lançado esta sexta-feira, à imprensa, na cidade do Lubango, pelo ministro da Defesa Nacional e Veteranos da Pátria, João Ernesto dos Santos “Liberdade”, no final da sua visita de trabalho de dois dias à província da Huíla, onde constatou a funcionalidade dos sectores que dirige.

O governante sublinhou que as forças de defesa nacional devem revelar-se cada vez mais envolvidas, em actividades de protecção, auxiliando a Polícia Nacional.

Na ocasião, orientou os militares, quando forem chamados, a cumprir com zelo a sua missão, pelo que não será permitido que alguns manchem o nome das FAA.

Referiu que, neste momento, decorre um processo de reestruturação do ministério, assim como o seu redimensionamento, com vista a responder o actual momento do mundo globalizado, além da situação económica e financeira mundial que resulta do preço baixo do petróleo.

“A Nossa missão, enquanto órgão da defesa e segurança, será o de continuar a cumprir com a missão de soberania, paz e democracia, à luz da Constituição”, fez saber, acrescentando que é, por essa razão, que está averiguar “in loco” a realidade que se vive na região e nas unidades militares do país.

Durante dois dias, o ministro da Defesa Nacional e Veteranos da Pátria constatou as obras no Quartel do Comando da Região Militar (RMS) e visitou a 6ª Divisão de Infantaria Motorizada e o Projecto Agro-Industrial, afecto a Caixa de Segurança Social das FAA, situado na Humpata (22 quilómetros a oeste do Lubango).

FonteAngop

Siga-nos

0FãsCurtir
0SeguidoresSeguir
0InscritosInscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.