- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Angola Política Morte de inspector não está ligada à corrupção no Kwanza Sul, dizem...

Morte de inspector não está ligada à corrupção no Kwanza Sul, dizem autoridades

A Procuradoria da República do Kwanza Sul disse não haver qualquer ligação entre o assassinato em Luanda de um inspector das Finanças e uma investigação a casos de corrupção naquela província angolana.

Esta posição surge depois de a imprensa revelar que o Serviço de Investigação Criminal (SIC), estava a investigar o assassinato de Eduardo Rodrigues, inspector das Finanças na província do Kwanza Sul, no município do Cazenga, em Luanda.

O assassinato levantou suspeitas que um caso de corrupção no Kwanza Sul podia estar por detrás da sua morte.

Eduardo Rodrigues, 35 anos, foi morto a tiro, no dia 31 de Maio, por dois indivíduos que se faziam transportar numa motorizada.

Os marginais não levaram qualquer objecto pessoal da vítima e fugiram para parte incerta.

A morte do inspector do Governo provincial do Kwanza-Sul ocorreu numa altura em que a Procuradoria Geral da República (PGR), confirmou a abertura de um processo de inquérito relacionado com o aluguer de duas viaturas para os vice-governadores daquela província, avaliado em 191 mil kwanzas por dia, por um período de um ano ou seja mais de 300 dólares por dia.

O Novo Jornal disse que o acordo para o aluguer das viaturas foi assinado pelo governador Job Capapinha.

Entretanto, na terça-feira, 2, Capapinha, exonerou cinco elementos do quadro temporário do seu gabinete nomeadamente o director do gabinete do governador, Gildo Ferreira, o seu director adjunto, Bernardino Lopes, os assessores do governador, Quintas Majana e Manuel Santana, bem como a secretária do seu gabinete, Odete Manuel.

A nota não detalha os motivos das exonerações.

Anteriormente tinha sido também noticiado que o assassinado inspector geral das finanças iria prestar declarações no âmbito do processo.

Mas em declarações à Rádio Nacional de Angola, o sub-procurador da província do Kwanza Sul, Joaquim Macedo, disse que o inspector Rodrigues Eduardo não estava relacionado com os processos que estão a ser investigados.

O Ministério das Finanças afirmou também à rádio pública que não recebeu qualquer pedido para que o seu colaborador prestasse declarações quanto aquelas investigações.

A procuradoria está entretanto a investigar denúncias de corrupção no Bengo mas desconhecemos pormenores.

- Publicidade -
FonteVoA
- Publicidade -

São Tomé e Príncipe: Grupo de cidadãos questiona projeto de lei eleitoral

Em São Tomé e Príncipe, continua o debate em torno do projeto de alteração da lei eleitoral proposto pela coligação MDFM-PCD-UDD, que impõe que...
- Publicidade -

Polícia usa a força contra motoristas que exigiam melhores condições em Nampula

A Polícia de Moçambique usou a força para travar uma manifestação pacífica de camionistas de Nampula, que exigiam melhores condições laborais. “Em Nampula estão 19...

Huíla: Empresários queixam-se dos pagamentos do PIIM

Alguns empresários na província da Huíla questionam as modalidades que o governo angolano definiu para pagar as obras inseridas no Programa Integrado de Intervenção...

BCP confirma abertura da Sonangol para avaliar “oportunidades de criação de valor”

O Millennium bcp confirmou ontem quarta-feira que o seu segundo maior acionista, a angolana Sonangol, está atenta a eventuais movimentos de consolidação bancária na...

Notícias relacionadas

São Tomé e Príncipe: Grupo de cidadãos questiona projeto de lei eleitoral

Em São Tomé e Príncipe, continua o debate em torno do projeto de alteração da lei eleitoral proposto pela coligação MDFM-PCD-UDD, que impõe que...

Polícia usa a força contra motoristas que exigiam melhores condições em Nampula

A Polícia de Moçambique usou a força para travar uma manifestação pacífica de camionistas de Nampula, que exigiam melhores condições laborais. “Em Nampula estão 19...

Huíla: Empresários queixam-se dos pagamentos do PIIM

Alguns empresários na província da Huíla questionam as modalidades que o governo angolano definiu para pagar as obras inseridas no Programa Integrado de Intervenção...

BCP confirma abertura da Sonangol para avaliar “oportunidades de criação de valor”

O Millennium bcp confirmou ontem quarta-feira que o seu segundo maior acionista, a angolana Sonangol, está atenta a eventuais movimentos de consolidação bancária na...

Covid-19. Morreu o antigo presidente francês Giscard d’Estaing

Giscard d'Estaing estava hospitalizado desde meados de novembro. De acordo com a família, o ex-chefe de Estado morreu após complicações devido à Covid-19. O antigo...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.