Radio Calema
InícioMinistériosMinistério das Relações ExterioresMIREX cria comissão para reajustes após denúncias de "esquemas de compadrio"

MIREX cria comissão para reajustes após denúncias de “esquemas de compadrio”

No grupo de trabalho comandado pelo embaixador Alves Primo, salta à vista o nome da chefe do Departamento de Formação de Quadros, para quem fontes deste jornal dão como pessoa “idónea” para ocupar cargos «mais relevantes» na estrutura do MIREX.

Uma comissão ad hod, acabada de ser criada por orientação do ministro das Relações Exteriores, Téte António, tem 30 dias para apresentar resultados e propostas de reajustes de categorias dos funcionários do Ministério das Relações Exteriores, duas semanas após este jornal ter noticiado denúncias que apontavam para a existência de várias irregularidades na promoção de carreiras no MIREX.

Num documento assinado pelo titular da pasta, a que o Novo Jornal teve acesso, o governante anuncia a criação de um grupo de trabalhos coordenado pelo embaixador Alves Primo, do qual fazem parte mais oito quadros seniores do organismo.

A comissão tem, até ao final deste mês ou princípio de Julho próximo, a incumbência de apresentar um plano que incluirá propostas de reajustes de categorias entre os funcionários da instituição encarregue da diplomacia angolana.

“Havendo a necessidade de se proceder à análise e ao reajuste das categorias dos funcionários do MIREX, com vista à melhor gestão dos recursos humanos, em observância dos critérios previstos nos diplomas legais em vigor sobre a matéria; No uso da Faculdade que me confere o Decreto Presidencial n.º 69/18, de 06 de Março, determino: É criada uma Comissão ad hoc para a análise e reajuste das categorias dos funcionários, devendo a mesma apresentar os resultados e propostas no prazo de 30 dias”, lê-se no ofício n.º 001, datado de 28 de Maio de 2020.

Na comissão liderada pelo antigo secretário-geral do MIREX, salta à vista o nome da conselheira Cláudia Liberato, chefe do Departamento de Formação de Quadros, para quem fontes deste jornal dão como quadro “idónea” para ocupar cargos “mais relevantes” na estrutura do organismo.

Siga-nos

0FãsCurtir
0SeguidoresSeguir
0InscritosInscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.