- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo América do Sul Uruguai aumentará controlo em fronteiras 'preocupado' com coronavírus no Brasil

Uruguai aumentará controlo em fronteiras ‘preocupado’ com coronavírus no Brasil

O Uruguai vai aumentar o controle da saúde nas fronteiras, por ver com “preocupação” a existência de casos de coronavírus do lado brasileiro de várias cidades fronteiriças, informou nesta terça-feira (05) o secretário da Presidência, Álvaro Delgado.

“O governo do Uruguai está preocupado com a situação em algumas cidades fronteiriças, principalmente do lado brasileiro”, afirmou Delgado em conferência de imprensa.

“O presidente instruiu todos os ministros a aprofundar a presença nas fronteiras, onde também será feito um protocolo e orientações claras serão dadas à população da área de fronteira, entendendo as particularidades das cidades binacionais”, declarou Delgado.

Embora o Uruguai tenha proibido a entrada de estrangeiros durante a emergência de saúde, excepto os residentes de localidades que lidam com o Brasil, que costumam morar de um lado e trabalhar no outro.

No entanto, informou que nesta quarta-feira o ministro da Saúde Pública realizará uma ronda pelas cidades fronteiriças para “ajustar os protocolos” e trabalhar “com maior coordenação coma as autoridades brasileiras”.

Uruguai registava até segunda-feira 17 mortos e 657 casos positivos do novo coronavírus, mas nenhum foi encontrado em departamentos de fronteira como Artigas, Rivera ou Cerro Largo.

Embora o Brasil seja de longe o país mais afectado da América Latina pela pandemia, com 107.780 casos e 7.321 mortes, o presidente Jair Bolsonaro incentiva a abertura e desacredita as medidas de prevenção.

Quando questionado sobre isso, Delgado respondeu: “Não cabe a mim ou ao governo (uruguaio) comentar as posições do presidente brasileiro”.

- Publicidade -
FonteAFP
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.