- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Vida Saúde Meio milhão de pessoas no país é surda

Meio milhão de pessoas no país é surda

Cerca de meio milhão de cidadãos angolanos, entre crianças, jovens e adultos, é surda afirmou hoje (sexta-feira), o secretário de Estado para o ensino técnico profissional, Joaquim Baptista.

A surdez é uma deficiência que se apresenta aproximadamente em uma a três de cada mil pessoas no mundo, independentemente da cor da pele, sexo, idade ou zona geográfica, por várias causas.

O responsável, escreve a Angop, que discursava na abertura da Conferência de um dia sobre “Língua Gestual Angolana”, lamentou o facto de ser um grupo bastante considerável, que pode estar privado de benefícios na assimilação de conhecimentos, da cultura e de uma preparação para a vida, pela existência de barreiras na comunicação.

Acrescentando que por isso, sem sombra de dúvida, neste grupo populacional está concentrada a maior percentagem de pessoas analfabetas e com dificuldades para atingir uma integração e inserção social adequadas, sendo o género feminino o que apresenta maiores dificuldades.

Por essa razão, fez saber que o Executivo, através do Ministério da Educação iniciou, em Outubro de 2003, um estudo, desenvolvimento e uniformização da Língua Gestual em Angola, para evitar as interferências das Línguas Gestuais de outros países, criando assim, a Língua Gestual Angolana, a partir da qual os surdos, de Cabinda ao Cunene, começaram a ter uma língua de ensino uniforme e com professores formados.

Sendo já a Língua Gestual um facto em Angola, a comunicação com as pessoas surdas, implica a presença do intérprete bilateral, e da inserção destes profissionais nos estabelecimentos públicos e privados, onde se oferecem serviços tais como: centros de saúde, tribunais, esquadras de polícia, serviços sociais, agências empregadoras, entre outras.

“Este é ainda um desafio que temos pela frente, porque para haver um intérprete de Língua Gestual Angolana é necessário que os órgãos competentes reconheçam a mesma Língua como uma das Línguas Nacionais de Angola, e, desta forma, estarmos em condições de cumprir com as orientações do Decreto presidencial Nº 10/16, de 27 de Julho, que promulga a Lei das Acessibilidade”, referiu.

Por seu turno, Guilherme Ikuela, professor interprete, fez saber que as actividades de interprete não têm sido fiscalizadas o que faz com que, dos poucos existentes alguns sejam falsos.

A Conferência sobre “Língua Gestual Angolana” é uma organização da Escola Nacional de Administração, no âmbito da celebração do dia do surdo, comemorado a 30 de Setembro.

Sob o lema “Mãos que falam, olhos que ouvem”, o certame permitiu técnicos afectos a esta franja da sociedade analisarem a real situação dos mesmos.

Temas como: A importância do interprete bilateral da Língua Gestual , Constrangimentos e Desafios, bem como a Lei 10 /17 de 27 de Julho, foram abordados no evento.

- Publicidade -
- Publicidade -

Tortuosos caminhos da liberdade (IV)

Arranco decidido para a terceira etapa do meu percurso, com o foco da corrupção a ocupar, bem contra a minha vontade – devo confessar...
- Publicidade -

Inaugurado em Luanda: Presidente propõe criação de fundo para manutenção do Arquivo Nacional

João Lourenço defende que a utilização do espaço deve obedecer a critérios que não pesem no bolso dos cidadãos, para que as pessoas possam...

Reações.Violência policial na França: a imprensa estrangeira em choque

Deriva autoritária? Caso George Floyd ao estilo francês? Após a divulgação de imagens da agressão a um produtor negro pela polícia e enquanto uma...

Falta de comida leva ursos a atacar túmulos na Rússia

Animais procuraram forma de sobreviver à fome O comportamento incomum dos animais foi observado em mais do que uma cidade, mas foi o município russo...

Notícias relacionadas

Tortuosos caminhos da liberdade (IV)

Arranco decidido para a terceira etapa do meu percurso, com o foco da corrupção a ocupar, bem contra a minha vontade – devo confessar...

Inaugurado em Luanda: Presidente propõe criação de fundo para manutenção do Arquivo Nacional

João Lourenço defende que a utilização do espaço deve obedecer a critérios que não pesem no bolso dos cidadãos, para que as pessoas possam...

Reações.Violência policial na França: a imprensa estrangeira em choque

Deriva autoritária? Caso George Floyd ao estilo francês? Após a divulgação de imagens da agressão a um produtor negro pela polícia e enquanto uma...

Falta de comida leva ursos a atacar túmulos na Rússia

Animais procuraram forma de sobreviver à fome O comportamento incomum dos animais foi observado em mais do que uma cidade, mas foi o município russo...

LIMA tem nova líder no Bengo

A nova presidente provincial do Bengo da Liga da Mulher Angolana (LIMA), Ana Paula Afonso, foi investida, ontem, em Caxito, substituindo Ana José Chumbo. A...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.