Ensa
Portal de Angola
Informação ao minuto

Congresso rejeita projeto de antecipação de eleições no Peru

(DR)

O Peru encaminhava-se nesta quinta-feira (26) a um novo conflito de poderes entre o presidente Martín Vizcarra e o Congresso opositor, depois que uma comissão parlamentar rejeitou sua proposta de antecipar as eleições para enfrentar a crise institucional no país.

“Foi aprovada por maioria a decisão que arquiva o projeto de lei do Poder Executivo que propõe a antecipação de eleições para 2020”, disse a presidente da Comissão de Constituição, Rose Bartra, ao anunciar o resultado da votação.

O projeto, avança a AFP, que Vizcarra apresentou há dois meses, propunha antecipar em um ano as eleições gerais (presidenciais e parlamentares) como saída para a crise institucional que afeta o Peru há três anos.

A decisão parlamentar abre as portas para que o governo insista em seu projeto eleitoral, acompanhada de uma moção de confiança, que se for rejeitada permite a Vizcarra fechar o Congresso constitucionalmente e convocar eleições de imediato.

Várias congressistas liberais e de esquerda deixaram a sessão de votação em protesto pela atualização parcializada da maioria de direita da comissão de arquivar o projeto, evitando assim que o plenário se pronuncie.

O partido fujimorista, que controla o Congresso, Força Popular (populista, direita), justificou a decisão de arquivar o projeto porque o Congresso foi eleito por cinco anos, até 2021.

O Peru está mergulhado em um enfrentamento entre o Executivo e o Legislativo desde que o banqueiro Pedro Pablo Kuczynksi venceu com uma apertada margem a populista Keiko Fujimori, em junho de 2016.

Kuczynski renunciou em março de 2018, encurralado pela Força Popular e o escândalo de corrupção envolvendo a Odebrecht.

Longe de tranquilizar o cenário, a chegada ao poder do então vice-presidente Martín Vizcarra se traduziu em choques recorrentes entre os dois poderes do Estado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »