Ensa
Portal de Angola
Informação ao minuto

Isabel dos Santos: “É preciso continuar a inovar em Angola”

Isabel dos Santos (DR)

Empresária foi oradora convidada no Fórum da Federação das Mulheres Empresárias da CE CPLP, em Lisboa

Isabel dos Santos disse hoje em Lisboa que “é preciso continuar a inovar em Angola, desenvolvendo projetos não apenas pela vertente financeira, mas sobretudo pela forma como vamos conseguir fazer a diferença”. A empresária foi oradora no Fórum Internacional da Mobilidade e Inovação, organizado pela Federação das Mulheres Empresárias e Empreendedoras da CE CPLP, que decorre hoje, em Lisboa.

“Há dois tipos de empresas: aquelas que fazem a mesma coisa todos os dias, e aquelas que são inconformadas, que veem o que os outros não veem e que procuram sempre fazer mais. O meu conselho é que sejam inconformados, que não aceitem o mundo como ele é, e que tenham força na vossa convicção”.

Isabel dos Santos interveio na qualidade de presidente do conselho de administração da Finstar, que gere a ZAP, e destacou o percurso de Inovação da operadora. “Começámos há dez anos como uma start-up, numa altura em que já havia um grande player no mercado, e tivemos de fazer diferença. Introduzimos o pagamento digital – até então só acontecia nas lojas físicas – bem como o pagamento flexível.

Isabel dos Santos (DR)

A inovação foi também tecnológica: fomos os primeiros a introduzir o HD. E hoje, a ZAP está em 1,5 milhões de casas.”

A empresária sublinhou ainda que “inovação não quer dizer invenção”, mas sim “olhar à nossa volta e perceber como podemos fazer a diferença, melhorar a experiência ou torná-la mais completa”. E acrescentou: “quando se faz algo relevante, algo único, isso sempre se transforma em valor”.

Sobre o papel das mulheres na introdução de Inovação na sociedade, Isabel dos Santos tem vindo, nas suas intervenções públicas, a sublinhar que “precisamos criar um ambiente em que seja tão simples para uma mulher obter financiamento para os seus novos negócios ou ser promovida para uma posição de liderança, como é para um homem. Fortalecer o papel da mulher é, aliás, é o grande catalisador para o crescimento económico em África. Somos o motor da mudança e do desenvolvimento. Esta é a minha visão e o exemplo que passo nas minhas empresas.”

O Fórum Internacional da Mobilidade e Inovação, organizado pela FME CE-CPLP (Federação das Mulheres Empresárias e Empreendedoras da Comunidade de Países de Língua Portuguesa), junta mais de 200 líderes empresariais provenientes dos nove países membros CPLP e dos países observadores da CPLP, com o objetivo de promover e dinamizar negócios e debater temas económicos e políticos de interesse comum. A primeira edição decorreu em 2018, em São Paulo, sendo agora a cidade de Lisboa o palco para a segunda edição do evento.

(Nota de imprensa enviada a nossa redação com pedido de publicação)

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »