- Publicidade-
InicioPolíticaMPLAEleito novo secretário da JMPLA na província do Moxico

Eleito novo secretário da JMPLA na província do Moxico

O secretariado provincial da JMPLA, organização juvenil do MPLA, no Moxico, conta desde hoje, sábado, com um novo 1º secretário, Gabriel Manuel Sachamuaha, eleito na sua 10ª assembleia ordinária.

Segundo Angop, o novo secretário, de 31 anos de idade, é licenciado em Serviços Sociais e substitui no cargo Irene Maquecha.

Na ocasião, Gabriel Manuel Sachamuaha comprometeu – se em trabalhar no engrandecimento da organização juvenil, olhando pelos ideias e acções do partido que engloba a luta sobretudo contra a corrupção, nepotismo e bajulação.

O também professor de sociologia agradeceu a confiança depositada em si, prometendo se engajar na organização interna, promoção do associativismo juvenil e voluntariado, bem como na inclusão política no seio dos jovens.

Por seu turno, a secretária cessante, Irene Maquecha, reconheceu o apoio do partido em administrar a JMPLA, pois, permitiu em cinco anos de mandato recrutar sete mil e 803 militantes, 1.519 núcleos e 171 comités de acção locais.

No acto de encerramento, o primeiro secretário provincial do MPLA, Gonçalves Muandumba, exortou os jovens a terem atitudes exemplares nas suas comunidades.

Disse que o partido precisa de juventude activa, com espírito empreendedor, para além de estarem comprometidos com a política.

No evento, foram ainda eleitos 95 delegados ao VIII congresso ordinário da JMPLA, a realizar – se de 10 a 12 de Outubro de 2019, em Luanda, e sete candidatos a membros do Comité Nacional da organização.

Os 385 delegados oriundos dos nove municípios da província, também apreciaram, discutiram e aprovaram o relatório de balanço, plano de actividades do novo mandato e a proposta de actualização dos estatutos.

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.