Ensa
Portal de Angola
Informação ao minuto

Zaire: Jornalistas solidarizam-se com crianças desfavorecidas

LUNDA SUL: BENS DIVERSOS DOADOS PELA COMUNIDADE MALIANA (FOTO: ANGOP)

Um grupo de jornalistas de diferentes órgãos públicos e privados provenientes de Luanda entregou nesta segunda-feira, em Mbanza Kongo, província do Zaire, bens diversos ao centro de acolhimento de crianças “Giorgio Zulianello”.

Do donativo, escreve Angop, constam produtos alimentares não perecíveis como arroz, massa alimentar, óleo vegetal, assim como calçados roupa usada e brinquedos, angariados há dois meses na capital do país e cedidos por patrocinadores oficiais.

Profissionais dos órgãos como ANGOP, TPA, Jornal de Angola, RNA, LAC, TV ZIMBO e Rádio Eclésia, integram o projecto denominado “ Zungueiros Solidários”, uma organização de caridade criada em 2009 em Luanda, cuja direcção é constituída por 16 membros.

Yuri Reverendo, Jornalista da Rádio Luanda Antena Comercial (LAC) e coordenador do projecto, disse que a iniciativa visa apoiar crianças com necessidades especiais de protecção em todo território nacional.

Esta é a primeira oferta de bens diversos que a referida organização faz no Zaire.

O centro de acolhimento de crianças Giorgio Zulianello existe há 10 anos e se encarrega em amparar crianças abandonadas pelos seus parentes e outras que escapam de supostos tráficos de seres humanos.

Actualmente, o lar localizado no Nfumu, periferia de Mbanza Kongo, acolhe 80 crianças de ambos os sexos, com idades entre um e 18 anos, seis das quais são de nacionalidade do Congo Democrático, atendidos por 12 funcionários.

O mesmo é tutelado pelo governo provincial, através do gabinete provincial da Acção Social, Família e Igualdade no Género, e funciona sob gestão dos Padres Capuchinhos.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »