Ensa
Portal de Angola
Informação ao minuto

Angola nega encerramento de missão em Pretória

(DR)

A Embaixada de Angola em Pretória, África do Sul, desmentiu hoje, terça-feira, informações sobre um suposto encerramento daquela missão diplomática, face à onda de “afro-fobia” que se regista, há alguns dias, no território sul-africano.

Em nota, a missão diplomática nega ter havido orientação do Presidente da República, João Lourenço, para se repatriarem os angolanos residentes em Pretória e se encerrar a missão, como se veicula nas redes sociais.

“A informação é falsa, descabida, tendenciosa e visa desacreditar as excelentes relações diplomáticas, de amizade e de cooperação existentes entre as Repúblicas de Angola e da África do Sul, bem como das suas lideranças”, esclarece o documento endereçado à ANGOP.

A Embaixada da República de Angola em Pretória dá a conhecer que continua a monitorar, permanentemente, a preocupante situação junto das comunidades espalhadas pela África do Sul e reafirma que não há angolanos afectados por este fenómeno.

Também aplaude a pronta-resposta das autoridades sul-africanas em assegurar a protecção das vítimas e responsabilizar, criminalmente, os autores desta onda de afro-fobia.

A Embaixada apela às comunidades angolanas para se manterem calmas, em permanente contacto com os líderes comunitários, e aproveita a oportunidade para, mais uma vez, aconselhar os cidadãos ilegais a legitimarem a sua condição junto das autoridades.

Desde domingo, pelo menos já morreram 10 pessoas e 423 foram detidas, principalmente nas cidades de Joanesburgo e Pretória. Os ataques, que visam, sobretudo, cidadãos de outros países africanos, estão a chocar o país e a comunidade internacional.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »